Após anos de maus-tratos, irmãs matam pai a facadas e podem ser presas

0

Uma amiga das mulheres explicou ao canal de TV 360º que elas eram espancadas há quatro anos

East2west news/Reprodução

As mulheres foram detidas no dia seguinte ao crime e admitiram o assassinato. Agora, Kristina, Angelina e Maria estão aguardando o julgamento e podem ser condenadas a até 15 anos de prisão. A mais velha, Kristina, deixou claro o sentimento nutrido pelo pai, segundo jornais locais. “Nós o odiávamos. Queríamos que ele fosse embora e nunca mais voltasse”.

Daily Mail/Reprodução

O canal de TV 360º explicou que as irmãs planejaram matar Khachaturian. “A menor o esfaqueou. A segunda das irmãs usou um martelo para atingi-lo na cabeça, enquanto outra jogou gás de pimenta em seu rosto. O homem resistiu e conseguiu ferir sua filha mais velha”, afirmou a emissora.

Fontes policiais, de acordo com a agência governista RIA Nóvosti, dão que a vítima, de 57 anos, tentou atacar a filha antes, mas outra irmã conseguiu tirar a arma da mão dele. A mesma agência garante: a caçula deu, pelo menos, 35 facadas no pai. Uma amiga das mulheres explicou ao canal 360º que elas eram espancadas há quatro anos. A mãe delas fugiu de casa para escapar da violência doméstica. As informações são da revista Veja.

Fonte: Metropolis

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here