Sob mediação da Noruega, chavistas e opositores tentam diálogo secreto para crise na Venezuela

0
Encontro de representantes de Maduro com delegados de Guaidó em Oslo surpreendeu parte da oposição venezuelana
Líder da Venezuela, Nicolás Maduro participa de reunião com membros do gabinete em Caracas Foto: Presidência da Venezuela 15-05-2019 / AFP
Líder da Venezuela, Nicolás Maduro participa de reunião com membros do gabinete em Caracas Foto: Presidência da Venezuela 15-05-2019 / AFP
Nos últimos dias, representantes de Maduro viajaram a Oslo, entre eles o ministro das Comunicações, Jorge Rodríguez e o governador do estado de Miranda, Héctor Rodríguez, para encontrar delegados de Guaidó, como o ex-deputado Gerardo Blyde e Fernando Martínez Mottola, ex-ministro de Carlos Andrés Pérez, aos quais se juntou o parlamentar e vice-presidente da Assembleia Nacional, Stalin González.

Segundo pelo menos três fontes que estão a par das conversas, as reuniões exploraram possíveis caminhos para avançar em uma agenda de temas e uma metodologia de trabalho. As mesmas fontes asseguram que as negociações foram feitas separadamente com representantes do Ministério das Relações Exteriores da Noruega e negam que tenha sido estabelecida uma mesa de diálogo.

A notícia das conversas, que gozam do apoio do líder opositor Leopoldo López , levantou suspeitas em parte da oposição venezuelana. As reuniões surpreenderam alguns dirigentes opositores, como Julio Borges, ex-presidente da Assembleia Nacional, que hoje vive exilado em Bogotá. Pelo Twitter, ele assegurou que, tanto ele quanto seu partido, o Primeiro Justiça, souberam da iniciativa apenas por meio dos veículos de imprensa venezuelanos.

Fonte: O Globo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here