BRASÍLIA

A Meninice de um Governador Comunista

Publicados

em

Por João Bentivi

Na parábola dos talentos, aprendemos que a quem muito é dado, muito será cobrado. Na vida é a mesma coisa. Isso falo em decorrência do episódio triste, protagonizado pelo governador do Maranhão, adentrando nas redes sociais, com acusações torpes e injustas, contra o candidato Eduardo Braide. Na mais rasteira e obtusa análise, se veria que o destempero do governador não foi apropriado.
Quando se compara com a resposta elegante, educada e correta do deputado Braide à cantilena leonina, vê-se a diferença de um jovem deputado estadista, para um governador que teima em ser um jovem ativista de DCE.
De início, o governador informa a sua eficiência governamental por ter feito uma escola, um parque, uma praça, uma unidade de saúde e ter feito o carnaval, festas juninas e o natal. Poderia ter ficado calado, às vezes a inteligência se perfaz em uma boca bem fechada, mas isso não aconteceu.
Muito antes do governador nascer, o Maranhão já se notabilizava por ter um grande carnaval de rua e a mais importante festa junina do mundo. É mais ou menos alguém, hoje, se achar o criador da roda. Aliás, ao se achar o criador do Natal do Maranhão, se o governante não se recorda por motivos ideológicos, essa história de Natal é decorrência do nascimento de um homem chamado Jesus, no ano primeiro da era cristã. Faz tempo e o mundo ainda não conhecia a maldição da foice e do martelo.
Em relação aos feitos no setor saúde, senhor governador, converse com os médicos, faça uma reunião com as entidades médicas. Mas se tiver temor em fazê-lo, poderia conversar com o senhor, mas poderia haver restrições em aprender comigo, então indicaria que conversasse, somente meia hora, com o senhor Ricardo Murad, o melhor secretário de saúde, da história do Maranhão e o senhor aprenderia muito. Creio que o senhor Ricardo Murad nada cobraria pela aula.
Querer associar o nome do deputado Braide com A, B ou C, aqui ou alhures, mostra que o governador está carente de argumentos ou desorientado. É necessário ser um aprendiz de ditador ou um tiranete mirim, para achar que o voto de um parlamentar correto (Braide o é) significa atrelamento ou obediência, e se essa é a prática aqui no Maranhão, é uma distorção imperdoável.
Para o bem da saúde moral do nosso governador, quero discordar da sua afirmação de que uma companhia ruim nos faz bandidos ou coisa semelhante, até por respeito a muito dos meus amigos, um exemplo é definitivo: os amigos e defensores do larápio Lula, são tão ladrões quanto ele? Para o bem de todos, respondo: NÃO. Do mesmo modo que andar com o bispo não faz ninguém de padre.
Mas o governador deveria usar a sua rede social para explicar o porquê de o Maranhão continuar na miséria, após oito anos ininterruptos de comunismo. Uma boa oportunidade. Prestar contas é uma obrigação da democracia, até para comunistas.
Quanto ao deputado Braide, gostaria de orientá-lo a responder essas e outras semelhantes, que certamente virão. Braide, use as palavras de Marco Túlio Cícero, no ano 63 a. C., para Lúcio Sérgio Catilina: Quo usque tandem abutere, Catilina, patientia nostra?
Fonte: Athenas Maranhense
COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Feira Legal e criação de RAs marcam o ano

Homem corre para fugir do flagrante, mas é detido por tráfico

Publicados

em

Por

Um homem foi detido por tráfico de drogas pelos policiais militares do Grupo Tático Operacional do 13º Batalhão (Gtop 33), às 17h deste sábado (19) na Fercal.
O Gtop 33 foi informado de um tráfico de entorpecente na região. Ao chegar no local, dois indivíduos ao perceberem a presença policial e correram. Um deles foi alcançado pelos policiais, mas antes disso dispensou algumas porções de maconha na varanda da casa.
Nessa mesma varanda foram encontradas 3 balanças de precisão. O indivíduo foi conduzido pra 13°DP e preso em flagrante por tráfico de substâncias entorpecentes.

PMDF

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  NEDWeek traz palestra gratuita sobre sustentabilidade e negócios
Continue lendo

DISTRITO FEDERAL

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA