BRASÍLIA

BRASIL POLÍTICA

FHC critica açodamento de Doria e avisa: Aécio não será afastado do PSDB

Publicados

em

“Apressado come cru”, disse o ex-presidente, referindo-se à tentativa de Doria de “tratorar” o partido

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso criticou o comportamento do seu correligionário João Doria (PSDB), governador de São Paulo, que recentemente tentou assumir o controle do partido e até expulsar o deputado Aécio Neves (MG), ex-presidente do partido. Dória acabou isolado no próprio partido e acabou provocando o lançamento da pré-candidatura do governador gaúcho Eduardo Leite (PSDB) a presidente.

“O apressado come cru”, disse FHC referindo-se à atitude agressiva governador na tentativa de viabilizar sua candidatura ao Palácio do Planalto. O ex-presidente avisou que “é um engano imaginar que alguém pode afastar Aécio Neves do partido. “A expulsão não tem sentido”, afirmou.

Fundador do PSDB e político experiente, FHC criticou também a ansiedade de Doria para se viabilizar candidato a presidente. Para definir a candidatura do PSDB em 2022, “vamos observar para ver quem será capaz de unir forças”, disse. O ex-presidente disse ainda que o partido precisa examinar também a hipótese de apoiar uma candidatura mais viável de outro partido, sem especificar a agremiação.

FHC criticou a troca de comando na Petrobras, mas disse que o governante fica mesmo entre observar as regras de mercado e atender os interesses da população, prejudicada pelos constantes aumentos. “Esse negócio de governar não é bom, não, é muito difícil”.

O ex-presidente da República foi entrevistado no programa Jornal Gente, da Rádio Bandeirantes, quando defendeu lockdown total nas escolas. Mesmo reconhecendo que haveria prejuízos, FHC entende que só uma medida dura como essa poderia frear a escalada de mortes:

FHC foi entrevistado no Jornal Gente, da Rádio Bandeirantes, pelos jornalistas Thays Freitas, Pedro Campos e Cláudio Humberto.

Leia Também:  Covas é chamado de "Bruno férias" durante debate entre candidatos à Prefeitura

Fonte: Diário do Poder

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

BRASIL POLÍTICA

Nordeste tem quatro indicados para eventual chapa de Lula

Publicados

em

Foto: Agência Brasil

Nenhuma região do Brasil tem tantos candidatos a vice-presidente para Lula da Silva como o Nordeste.

A lista é encabeçada pelo governador do Maranhão, Flávio Dino (PSCdoB) e conta também com o governador do Ceará, Camilo Santana (PT), e agora aparece o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB).

 Rui Costa (PT), da Bahia – o maior colégio eleitoral da região – que deixa o Palácio de Ondina, é vez ou outra citado pelo núcleo próximo do ex-presidente.

Enquanto a campanha não vem, segue a grita do PT contra a decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Luiz Fux, por ter agendado para a quinta-feira análise em plenário do pedido de impugnação feito pela PGR da decisão do ministro Edson Fachin, que anulou as condenações de Lula. O partido informa, na nota, que o ministro e o STF sofrem pressão de setores contra sua decisão monocrática pró-Lula. Faltou dizer quem.

A despeito de o Supremo Tribunal Federal agendar para quinta-feira o pedido de impugnação da anulação das condenações de Lula da Silva, ele segue dando entrevistas à mídia estrangeira.

Fonte: Jornal de Brasilia
COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Viúva de Bebianno diz em depoimento que destruiu celular do ex-ministro
Continue lendo

DISTRITO FEDERAL

FALA BOLSONARO

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA