BRASÍLIA

CÂMARA DISTRITAL

Jorge Vianna pede e governo implementa reversão da DF 060 do trecho entre Samambaia/Riacho/Recanto/Gama

Publicados

em

No dia de hoje 21/11, em companhia do Diretor do DER Fauzi, o deputado Jorge Vianna, informa para a população, a reversão da BR 060, rodivia que da acesso entre Samambaia e várias cidades do DF.

Atendendo a um pedido do Deputado Jorge Vianna, junto ao GDF e DER, moradores da região de Samambaia/Riacho Fundo/ Recanto das Emas e Gama, poderão ganhar de 12 a 15 minutos de seu tempo para irem ao seu trabalho ou retornarem para suas casas e usufruirem de um maior tempo com sua familia.

“Este pedido, foi uma reivindicação antiga dos moradores da região que venho reivindicando junto ao Diretor do DR e ao Governador Ibaneis, felizmente hoje estamos apresentado para todos que perdem um longo tempo no transito pela quantidade de carros e causapelo grande engarrafamento em nsssas vias, Obrigado Fauzi e governador Ibaneis, a população agradeçe” Deputado Jorge Vianna

 

Fonte: Redação

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Campanha CLDF: “Contra o coronavírus não tem desculpa, tem prevenção”

CÂMARA DISTRITAL

Por iniciativa de Robério Negreiros, revendedoras devem informar origem de veículos usados e seminovos

Publicados

em

Por

Por iniciativa do deputado distrital Robério Negreiros (PSD), há dois meses passou a ser cobrada a obrigatoriedade de as revendedoras de automóveis usados e seminovos informarem se os veículos têm origem de leilão, de locadora, recuperados ou salvados de seguradora, no Distrito Federal. Em caso de descumprimento, o infrator será multado no valor de R$ 3 mil por veículo com origem não informada, que será revertido para o Fundo de Defesa dos Direitos do Consumidor (FDDC).

Segundo Robério, autor do Projeto de Lei 1.526/2020, que foi sancionado em dezembro de 2021 pelo governador Ibaneis Rocha (MDB) – Lei nº 6.987/2021, a norma tem a finalidade de assegurar ao consumidor o direito à informação clara e precisa acerca da procedência dos veículos colocados à venda, conforme dispõe a Constituição Federal e o Código do Consumidor quanto à norma de direito fundamental.

A atenção maior ao assunto, pontuou o parlamentar ao justificar o projeto, acontece devido à maioria das seguradoras negarem segurar automóveis nas condições apontadas no projeto. “E quando o fazem, o valor do seguro é muito mais caro, além da possibilidade do consumidor ter que efetuar reparos em pouco tempo”, afirmou Robério.

Leia Também:  Bolsonaro pretende indicar vice ao Centrão

Fonte: Assessoria Dep Robério Negreiros

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

Nos siga no Facebook

DISTRITO FEDERAL

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Gostou da notícia? Quer mais?

Nos Siga no Facebook 

para mais Notícias

Gostou da notícia? Nos Siga para Mais.