BRASÍLIA

CARROS E MOTOS

Chevrolet Corvette Z06 2023 surge com novo V8 de 680 cavalos

Publicados

em

Chevrolet Corvette Z06 2023 surge com novo V8 de 680 cavalos

O Chevrolet Corvette Z06 2023 surge no mercado americano para reforçar a proposta da geração C8, a primeira que ousou trocar o tradicional conjunto motriz frontal por um central, trazendo agora um novo V8, o LT6 com 680 cavalos.

Apesar do foco global proposto pela GM ao Corvette Stingray atual, o bólido não tem planos para rodar por aqui, ainda que a importação independente seja a saída para quem é mais exigente. Nos EUA, o Z06 é festejado como uma opção mais agressiva do carro que virou patrimônio nacional.

Chevrolet Corvette Z06 2023 surge com novo V8 de 680 cavalos

Steve Hill, vice-presidente da Chevrolet, diz: “O Corvette sempre trouxe um cliente exigente para a família Chevy. Este novo Z06 foi projetado e desenvolvido para definir um padrão mais alto com níveis elevados de habilidade, personalização e desempenho para que os clientes possam realmente ter seu próprio carro de desempenho sob medida.”

Mark Reuss, presidente da General Motors, resume bem a coisa: “O novo Corvette Z06 define o supercarro americano. Ele se baseia no design distinto e na dinâmica inovadora introduzida com o Corvette de motor central e os eleva para oferecer capacidade de pista refinada, mas intransigente, com desempenho de classe mundial.”

Leia Também:  Inmetro – Carros mais econômicos 2021

Chevrolet Corvette Z06 2023 surge com novo V8 de 680 cavalos

Para ter tudo isso que falaram, o Chevrolet Corvette Z06 2023 traz um V8 LT6 5.5 de aspiração natural com 680 cavalos a 8.400 rpm e 63,3 kgfm a 6.300 rpm. Segundo a GM, os “engenheiros passaram dois anos elaborando um tom de escape rico e distinto, diferente de tudo que já se ouviu de um Corvette”.

Chevrolet Corvette Z06 2023 surge com novo V8 de 680 cavalos

Tadge Juechter, engenheiro-chefe executivo do Corvette, comenta: “testamos o Z06 nas melhores pistas do mundo, do Circuito das Américas, aqui nos Estados Unidos, a Nürburgring na Alemanha.” Com bitola aumentada em 9,4 cm, o Z06 tem entradas de ar frontais e saídas traseiras exclusivas, assim como um novo aerofólio, rodas aro 20 na frente e 21 polegadas atrás, com opção de modelo de fibra de carbono, que corta 18,6 kg.

Chevrolet Corvette Z06 2023 surge com novo V8 de 680 cavalos

Com suspensão adaptativa Magnetic Ride Control 4.0, o Z06 traz ainda discos de freio maiores, com pinças de seis pistões, além de pneus série 345 atrás. O câmbio automatizado de dupla embreagem e oito marchas tem diferencial com relação mais curta. O pacote Z07 traz aerofólio de fibra de carbono, pacote aerodinâmico com maior downforce, rodas de carbono, freios de cerâmica Brembo e novo ajuste de chassi e suspensão.

Leia Também:  Yamaha Factor 150 2022: preço, consumo, motor, detalhes, fotos

Chevrolet Corvette Z06 2023 – Galeria de fotos

AUTOMOTIVO

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

CARROS E MOTOS

Sem Uno, Grand Siena e Doblò, Fiat ficará enxuta

Publicados

em

Por

Sem Uno, Grand Siena e Doblò, Fiat ficará enxuta

Dezembro chegou e a Fiat se prepara para encerrar a carreira de três veteranos de seu portfólio, que ficará mais enxuto e moderno. Os modelos Uno, Grand Siena e Doblò deixarão as linhas de produção de Betim para virar história.

O Uno sai de cena após mais de 10 anos de mercado nacional para deixar o caminho livre para o Mobi, que vem tendo grande volume de vendas ao lado do Argo. Pressionado por estes dois, o antigo hatch compacto não tem para onde correr.

Com o aumento dos custos, agora não é mais viável converter o Uno em um SUV subcompacto, visto que o Pulse assumiu bem uma posição com preços a partir de R$ 79.990.

Sem Uno, Grand Siena e Doblò, Fiat ficará enxuta

Assim, um novo Fiat Uno não faria sentido, especialmente se o mesmo se destinasse a substituir o Mobi. Como este último de fato tomou-lhe o lugar, mostrando que ainda há espaço para hatch barato, o Uno fica numa sinuca de bico.

Como se sabe, o Uno sairia de linha na mesma época do VW up!, mas a Fiat decidiu prolongar sua produção para manter o ritmo de Betim, afetada pela pandemia e falta de semicondutores.

Leia Também:  Corolla Altis Nurburgring enaltece pista alemã, mas falta motor

Tal como ele, o Grand Siena também garantiu a manutenção da produção, mas já não é mais um player necessário no segmento, ainda mais com o Cronos em boa forma.

Sem Uno, Grand Siena e Doblò, Fiat ficará enxuta

O sedã compacto garantiu a manutenção dos motores Fire 1.0 e 1.4, sendo a opção mais indicada para motoristas de aplicativo ou taxistas. Com a chegada do Cronos, já deveria ter dito adeus, mas foi mantido para dar volume ao complexo mineiro, agora grande demais.

Diferente do Uno, que sairá sem sucessor e do Grand Siena, que já tem no Cronos seu substituto, a Doblò deverá passar para a próxima geração em comunalidade com os modelos Peugeot Partner e Citroën Berlingo, que terão novos modelos feitos em El Palomar.

Sem eles, a Fiat concentrará seus esforços (e volumes) no Pulse, assim como no próximo irmão, o projeto 376. Argo, Mobi e Fiorino – que atualizará no dia 3 – também garantirão volumes para Betim, enquanto a Toro fica em Pernambuco.

O Cronos continuará vindo da Argentina, com Fiat Scudo do Uruguai e a próxima Doblò da Argentina, além da Ducato feita no México.

Leia Também:  Híbrido BYD Song Plus é registrado no Brasil

AUTOMOTIVO

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

Nos siga no Facebook

DISTRITO FEDERAL

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Gostou da notícia? Quer mais?

Nos Siga no Facebook 

para mais Notícias

Gostou da notícia? Nos Siga para Mais.