Toyota aceita grãos na compra de Hilux, SW4 e Corolla Cross

Toyota aceita grãos na compra de Hilux, SW4 e Corolla Cross

A Toyota seguiu a Stellantis e também passa a aceitar grãos na compra de um carro novo da marca japonesa. Voltada para produtores rurais, a iniciativa visa facilitar o acesso do cliente a veículos novos sem a necessidade de dinheiro.

Conhecido como Toyota Barter, o programa inclui os modelos Hilux, SW4 e Corolla Cross, embora esse último não seja de fato uma preferência para clientes do agronegócio como os outros dois, mais aptos a adentrar nas fazendas dos compradores.

Em nove Estados, a Toyota Barter aceitará a compra dos modelos por meio da permuta de grãos de soja e milho, considerando o valor de mercado das sacas, sendo a unidade de medida de peso de leguminosas e cereais.

Toyota aceita grãos na compra de Hilux, SW4 e Corolla Cross

VEJA TAMBÉM:

Barter, significa em inglês, troca e em agronegócio é o pagamento comum pelo insumo através da entrega de grãos na pós-colheita, sem a intermediação monetária.

Além disso, a origem  dos grãos deve respeitar as certificações e leis de impactos ambientais como forma de pagamento. José Luis Rincon Bruno, gerente de Vendas Diretas da Toyota do Brasil, diz:

Leia Também:  EUA: VW Jetta 2022 renova visual e ganha motor 1.5 TSI de 160 cv

“O Toyota Barter teve início como um projeto-piloto em 2019, portanto, é o primeiro canal de vendas do Brasil a aceitar grãos na compra de um carro. Agora, temos a oportunidade de oficializar esta facilidade para o agronegócio e expandir a presença da Toyota e contribuir de maneira importante para esse,  um dos principais setores econômicos do nosso País”.

Toyota aceita grãos na compra de Hilux, SW4 e Corolla Cross

Na Toyota, 16% das vendas diretas são oriundas do agronegócio, o que surpreende no caso da venda de picapes e SUVs de chassi, produtos altamente procurados no interior do país.

Assim, o cliente rural interessado nestes modelos, pode ir até uma das concessionárias Toyota nos Estados de Bahia, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Piauí e Tocantins inicialmente, mas a marca estuda ampliar o negócio para Paraná, São Paulo e Mato Grosso do Sul.

AUTOMOTIVO

COMENTE ABAIXO:

Últimas Notícias

Gostou da notícia? Nos Siga para Mais.

Gostou da notícia? Quer mais?

Nos Siga no Facebook 

para mais Notícias

Quer receber as notícias em
primeira mão?

TODOS OS DADOS SÃO PROTEGIDOS CONFORME A LEI GERAL DE
PROTEÇÃO DE DADOS (LGPD).

ENVIAR MENSAGEM
Estamos Online!
Olá
Podemos Ajudar?