BRASÍLIA

CARROS E MOTOS

Yamaha Factor 150 2022: preço, consumo, motor, detalhes, fotos

Publicados

em

Yamaha Factor 150 2022: preço, consumo, motor, detalhes, fotos

A Yamaha Factor 150 2022 é uma street popular que a marca japonesa consegue emplacar bem no Brasil, sendo uma rival direta da Honda CG 160 Fan e da Haojue DK 150 CBS, sendo assim uma moto polivalente e econômica.

Com visual expressivo, a Factor 150 se propõe e ter uma pegada mais esportiva que a rival da Honda, assim como o restante da linha da Yamaha, empregando assim muitos detalhes na cor preta, bem como linhas mais ousadas.

Ainda que seja um produto da linha de entrada, a Yamaha Factor 150 foi desenvolvida para ser uma moto confortável e com desempenho respeitável, sendo fácil sua manutenção e boa sua economia, garantindo trabalho e lazer com folga.

Com estética aprimorada em relação à Honda, chama atenção pelo aplique plástico adicionado ao lado do tanque, conectando-se às tampas laterais.

Tendo essa parte em preto, assim como para-lamas dianteiro e escapamento, ela tem um visual mais jovem, reforçado pelas rodas de liga leve aro 18 polegadas, farol diamante com carenagem e banco em dois níveis, com tanque grande.

Yamaha Factor 150 2022 – novidades

Yamaha Factor 150 2022: preço, consumo, motor, detalhes, fotos

Na Yamaha Factor 150 2022, até o motor é pintado de preto para moldar o visual esportivo da pequena street, que vai longe com seu reservatório de 15,7 litros, que tem um consumo médio de 35 km/l com gasolina.

Seu motor monocilíndrico de 4 tempos com refrigeração a ar tem injeção eletrônica e com seus 149 cm³, entrega 12,2 cavalos na gasolina e 12,4 cavalos no etanol, além de 1,30 kgfm nos dois combustíveis.

O câmbio de cinco marchas é bem escalonado e a relação é longa, facilitando as viagens em trânsito rápido com baixo consumo. Com posição de pilotagem confortável, a Factor 150 tem desempenho satisfatório para sua proposta.

Dotada de freios combinados, a Factor 150 ED tem ainda partida elétrica, painel digital, farol halógeno, piscas destacados, lanterna triangular, alças e pedais no quadro para o passageiro, assim como escapamento com protetor preto.

De janeiro a julho, a Factor 150 já vendeu 17.670 unidades, ficando em quarto entre as streets brasileiras. Segunda na hierarquia de produto da Yamaha, a pequena urbana de 150 cilindradas é uma boa opção para trabalhar e passear.

Yamaha Factor 150 2022: preço, consumo, motor, detalhes, fotos

A Yamaha Factor 150 2022 tem como novidade a instalação de um cavalete central, que facilita bastante o estacionamento da moto em locais planos, assim como também o ajuste da tensão da corrente de tração e sua limpeza geral.

Além disso, a Factor 2022 vem ainda nas novas cores branco, preto sólido e vermelho metálico. Com seu motor de 150 cilindradas e pouco mais de 12 cavalos de potência, a moto da Yamaha adota um visual mais esportivo e descolado.

Dotada de injeção eletrônica flex, a motocicleta urbana da Yamaha dá nomes para suas novas tonalidades, sendo a vermelho-fosco chamada Red Hot. A Black Eclipse é o preto sólido, com o branco designado como Sports White.

A Factor ainda mantém o painel digital completo, assim como seu bom tanque de 15,7 litros e os freios combinados UBS, que transitem 70% da força de frenagem para o freio dianteiro e 30% da força para o traseiro, a tambor.

Yamaha Factor 150 2022 – detalhes

Yamaha Factor 150 2022: preço, consumo, motor, detalhes, fotos

A Yamaha Factor 150 2022 tem um visual bem jovial e esportivo, que traz um farol em forma de diamante com carenagem envolvente de cor preta, integrante do conjunto que consiste ainda de cluster digital completo, guidão cromado e espelhos.

O cluster digital tem display com conta-giros, velocímetro e nível de combustível, cuja capacidade é de 15,7 litros, além de hodômetros e relógio digital. Há também luzes-espia e botões para ajustes das funções.

A Factor 150 ED UBS 2022 vem ainda com manoplas emborrachadas, manetes metálicos pretos e espelhos retrovisores ajustáveis, bem como comandos para partida, corta-corrente, buzina, piscas e farol.

A chave de ignição é normal com trava, tendo ainda o tanque um bocal esportivo. Com aletas laterais pronunciadas, a Factor tem buzina instalada sob um dos lados do quadro tubular de berço único tipo Diamond.

Na frente, a suspensão é por garfo telescópico com bengalas hidráulicas e dotadas de molas internas. A roda de liga leve tem aro 18 polegadas e pneu 2.75-18, da Metzeler, além de disco de freio ventilado de 245 mm com pinça de pistão único.

Leia Também:  Celta 2012: motor, consumo, preço, equipamentos

Yamaha Factor 150 2022: preço, consumo, motor, detalhes, fotos

O propulsor é pintado de preto brilhante, tendo ainda partida elétrica, injeção eletrônica e câmbio de cinco marchas integrado. Cabos de acelerador e embreagem são revestidos e o escape é escuro. Os pedais do piloto são emborrachados.

Nas laterais, a carenagem superior do tanque se conecta com as da rabeta, criando um visual fluido. O passageiro tem pedais retráteis fixados no quadro, enquanto as alças superiores são de liga leve. As capas expõe os amortecedores.

A lanterna traseira tem moldura preta cortando-a ao meio, criando assim um visual de dupla lente. Esse dispositivo de iluminação também serve à placa, que tem ao lado os piscas de lente branca. Já o banco é preto e tem dois níveis.

No escapamento elevado, há um protetor preto contra calor. A ponteira é estilizada. Já a suspensão traseira tem balança de amortecimento duplo convencional, com molas e amortecedores tendo ajustes de pressão.

A roda traseira é de liga leve também e tem aro 18 polegadas igualmente, mas é servida por freio a tambor de 130 mm, com sistema UBS de combinação de frenagem. Há uma barra de estabilização do tambor e relação de corrente protegida.

Yamaha Factor 150 2022 – versões

Yamaha Factor 150 2022: preço, consumo, motor, detalhes, fotos

  • Yamaha Factor 150 ED UBS 2022

Yamaha Factor 150 2022 – equipamentos

Yamaha Factor 150 ED UBS 2022 – Motor de 150 cilindradas e câmbio de cinco marchas, rodas de liga leve aro 18 polegadas, pneus 2.75-18 na frente e 90/90-18 atrás, freios a disco dianteiro de 245 mm, freio traseiro a tambor de 130 mm, sistema CBS de freios combinados, farol diamante, retrovisores ajustáveis, cluster digital, partida elétrica, ignição eletrônica, injeção eletrônica flex, escape com protetor, pedais do passageiro fixos no quadro, molduras laterais pretas, chave com trava, trava de banco, carenagem de farol, corta-corrente, entre outros.

Yamaha Factor 150 2022 – preços

  • Yamaha Factor 150 ED UBS 2022  – R$ 11.933

Yamaha Factor 150 2022 – motor

Yamaha Factor 150 2022: preço, consumo, motor, detalhes, fotos

O motor da Yamaha Factor 150 2022 é um monocilíndrico de quatro tempos com refrigeração a ar e cabeçote com comando OHC, tendo duas válvulas no cilindro. Além disso, o propulsor é feito em liga leve e tem aletas de refrigeração, bem como vela, ignição eletrônica e injeção eletrônica flex.

Esse propulsor de 149 cm³ tem taxa de compressão de 9,6:1 e vem com 12,2 cavalos na gasolina e 12,4 cavalos com etanol, ambos a 7.500 rpm. Já o torque é de 1,30 kgfm a 6.500 rpm nos dois combustíveis. O propulsor é o mesmo que equipa a Crosser 150 Z e S, a mesma que era anteriormente chamada XTZ 150.

Já o câmbio tem cinco marchas sincronizadas e embreagem multidisco em banho de óleo, com acionamento por cabo, assim como o acelerador. A relação final é feita por pinhão, corrente metálica lubrificada e coroa. Todos com capas de proteção e com a relação sendo ajustada na roda por meio de porcas e contra-porcas.

A Yamaha mantém esse motor apenas nesses duas motos, além da Fazer 150, que tem visual diferenciado e o utiliza com as mesmas potências, porém, com torque de 1,30 kgfm a 5.500 rpm. Robusto, confiável e econômico, o motor de 150 cilindradas só peca por não ser tão forte quanto o motor de 160 cm³ da Honda.

Yamaha Factor 150 2022 – desempenho

  • Yamaha Factor 150 ED UBS 2022 – 120 km/h

Yamaha Factor 150 2022 – consumo

  • Yamaha Factor 150 ED UBS 2022 – 40,5 km/l

Yamaha Factor 150 2022 – concorrentes

Honda CG 160 Fan

Yamaha Factor 150 2022: preço, consumo, motor, detalhes, fotos

A Honda CG 160 Fan é a principal rival da Yamaha Factor 150 2022. Ambas são modelos de entrada e estão na mesma faixa de preço. Custando R$ 11.760, a moto rival é um modelo que se apoia na topo de linha Titan, tendo o mesmo tanque de 16,1 litros, painel digital blackout, farol diamante, piscas e lanterna iguais, assim como as aletas laterais com apliques pretos.

Com cor básica sem faixas ou grafismos decorativos como a Titan, a CG Fan ainda é bem simples, tendo alça para o garupa em aço, amortecedores traseiros à mostra e freio traseiro a tambor, com 130 mm. Na frente, tem disco ventilado de 220 mm, menor que da Yamaha. Assim como a Factor, a Fan também tem freios combinados CBS, mas sem usar outra denominação, como a 150 ED.

Leia Também:  Dodge Durango Hellcat dá adeus por não cumprir emissões nos EUA

Oferecida nas cores azul perolizado, preto e vermelho, a CG 160 Fan tem ainda tampa com design esportivo, além de partida elétrica, injeção eletrônica flex, ignição eletrônica, chave com trava magnética, suportes de liga leve para os pedais do passageiro, escape preto com protetor cromado, rodas de liga leve aro 18 polegadas e pneus 90/90-18 na frente e 100/80-18 atrás.

A Honda CG 160 Fan vem com motor monocilíndrico de 4 tempos com refrigeração a ar e 162,1 cm³, entregando 14,9 cavalos na gasolina e 15,1 cavalos com etanol, ambos a 8.000 rpm. O torque é de 1,40 kgfm no primeiro e 1,54 kgfm no segundos, ambos a 7.000 rpm. O câmbio tem cinco marchas com embreagem multidisco em banho de óleo.

Tem consumo médio de 41 km/l.

Haojue DK 150 CBS

Yamaha Factor 150 2022: preço, consumo, motor, detalhes, fotos

A Haojue DK 150 CBS é a mais próxima da Yamaha Factor 150 2022 em proposta, porém, não em preço, já que custa R$ 12.695. O valor maior não compensa o produto em comparação com a tradicional street, ainda que a marca asiática tem boa qualidade. Oferecida nas cores azul, vermelha e preta, a motocicleta chinesa tem um visual com proposta esportiva, focando na cor preta.

Ela adota um perfil que era da Dafra Riva, tendo farol com luzes diurnas, piscas brancos e lanterna inclinada, tendo ainda rodas de liga leve aro 18 polegadas, freio a diso dianteiro ventilado e freio traseiro a tambor, ambos com sistema CBS, que é obrigatório por lei. Além do banco e rodas, partes laterais e o motor são pintados de preto, assim como um pedaço do para-lama dianteiro.

Com tanque de 12,5 litros, a Haojue DK 150 CBS é uma motocicleta tem painel digital com nível de combustível, conta-giros e indicador de marcha, além de tampa do bocal do tanque esportiva. Tendo suporte de liga leve e alças do passageiro integradas, a moto street traz também suspensão dianteira com garfo telescópico e balança convencional traseira.

O motor TSR de 149 cm³ tem um cilindro e duas válvulas, além de quatro tempos com refrigeração a ar, porém, ainda sustenta carburador, apesar de dispor obrigatoriamente de catalisador. Tem partida elétrica e entrega somente 11,27 cavalos a 8.000 rpm e 1,16 kgfm a 7.000 rpm, ambos na gasolina apenas e com câmbio de cinco marchas. O consumo médio dito pela marca é de 39,4 km/l

Yamaha Factor 150 2022 – garantia e revisão

Yamaha Factor 150 2022: preço, consumo, motor, detalhes, fotos

A Yamaha Factor 150 2022 tem garantia de três anos e as revisões de 1.000 km e 5.000 km possuem mão de obra grátis. Com paradas regulares a cada 5.000 km, a moto tem um custo elevado de R$ 1.680 para todas as revisões dentro da garantia, onde são trocados óleo, filtro de ar, vela, fluido de freio, pastilhas de freio, lonas de freio, entre outros, mas dependendo da quilometragem.

A rede Yamaha tem ainda venda de peças, acessórios e outros serviços. Apesar de não ser baratas, as revisões de fábrica precisam ser feitas para que o produto mantenha seu desempenho e economia, além da segurança e dirigibilidade.

Yamaha Factor 150 2022 – ficha técnica

Motor 150
Tipo
Número de cilindros 1 em linha
Cilindrada em cm3 149
Válvulas 2
Taxa de compressão 9,6:1
Injeção eletrônica Indireta
Potência máxima 12,2/12,4 cv a 7.500 rpm (gasolina/etanol)
Torque máximo 1,30 kgfm a 5.000 rpm (gasolina/etanol)
Transmissão
Tipo 5 marchas
Tração
Tipo Corrente e pinhão
Partida
Tipo Elétrica
Freios
Tipo Disco dianteiro de 245 mm e tambor traseiro com 130 mm
Suspensão
Dianteira Garfo telescópico
Traseira Balança convencional
Rodas e Pneus
Rodas Aço raiado aro 18 polegadas na frente e aço raiado aro 18 polegadas atrás
Pneus 2.75-18 na frente e 90/90-18 atrás
Dimensões
Comprimento (mm) 2.015
Largura (mm) 0.735
Altura (mm) 1.095
Entre eixos (mm) 1.325
Capacidades
Bagageiro (L) ND
Tanque de combustível (L) 15,7
Carga (Kg) ND
Peso em ordem de marcha (Kg) 127
Coeficiente aerodinâmico (cx) ND

Yamaha Factor 150 2022 – fotos

AUTOMOTIVO

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

CARROS E MOTOS

Toyota apresenta linha 2023 do Yaris ainda em janeiro de 2022

Publicados

em

Por

Toyota apresenta linha 2023 do Yaris ainda em janeiro de 2022. Fotos: Toyota.

Tanto o hatch, quanto o sedã, recebe o primeiro facelift – mesmo que leve – de meio de geração, além de novos itens tecnológicos

Assim como fez com a família Corolla, a Toyota já apresenta a linha 2023 do Yaris ainda na segunda semana de janeiro de 2022. Segundo a marca, a “pressa” se deve ao fato do modelo se alinhar ao Programa de Controle da Poluição do Ar por Veículos Automotores (Proconve) L7 e, por isso, ela resolveu adiantar as versões do ano seguinte.

Com a aposentadoria do Etios, o Yaris assumiu o posto de modelo de entrada da japonesa no Brasil, mesmo que o preço não seja nada de entrada. O hatch parte de R$ 92.190 e o sedã de R$ 96.390. A nova linha chega com visual levemente redesenhado e novos itens tecnológicos, mas sem alterar o defasado motor 1.5 aspirado.

Toyota Yaris Sedan 2023

A dianteira foi levemente redesenhada e a grade ficou ainda maior.

Além das mudanças estéticas da lista de equipamentos, o Yaris 2023 que chega ainda neste mês nas concessionárias da marca, estará mais enxuto. Tanto o hatch quanto o sedã contará apenas com três versões: XL (R$ 92.190 e R$ 96.390), XS (R$ 101.490 e R$ 104.990) e XLS (R$ 112.690 e R$ 116.990).

Leia Também:  Crise de Covid-19 na Malásia para VW em Taubaté mais uma vez

Na parte visual, as alterações são bem discretas. Na dianteira, foca mais o para-choque que, mesmo redesenhado, mantém o mesmo estilo mas com uma pegada mais esportiva. Assim como a grade, que está um pouco maior e conversa melhor com os faróis, com luz de circulação diurna e de neblina em LED.

Toyota Yaris 2023

O interior praticamente não foi alterado.

Por dentro, as mudanças foram ainda mais acanhadas, focadas no revestimento dos bancos em cinza nas versões XL e XS. Além disso, todas contam com central multimídia de sete polegadas compatível com Android Auto e Apple CarPlay e a topo de linha, a XLS, ganha um pequeno display no painel de instrumentos.

Em relação a lista de equipamentos, as principais novidades estão nos itens de segurança. Focados nas versões XS e XLS, ele conta com sistema de pré-colisão (que emite um alerta sonoro e visual ao motorista, além de fornecer uma carga extra no sistema de frenagem) e alerta de evasão de faixa, que avisa quando o motorista sai da faixa de rolagem sem ligar as setas.

Toyota Yaris 2023

A motorização não foi alterada, mas adaptada para atender ao Proconve L7.

O Yaris ainda conta, de série em todas as versões, com sete airbags (um de joelho, dois frontais, dois laterais e dois de cortina), controles de tração e estabilidade e assistente de partida em rampa.

Leia Também:  Tesla Model 3 supera Clio e Golf em vendas na Europa

Ainda na lista de equipamentos, as opções XS e XLS contam com ar-condicionado automático e digital, chave sensorial para abertura das portas e partida do motor, câmera de ré e a topo de linha conta com espelho retrovisor interno eletrocrômico e teto solar elétrico.

Toyota Yaris hatch 2023

Toyota Yaris hatch 2023.

A motorização recebeu ajustes apenas na questão de emissões de poluentes para poder se enquadrar no Proconve L7, a potência permanece a mesma. Ou seja, os Yaris contam com o antiquado 1.5 aspirado de 110 cavalos e 14,9kgfm de torque, aliado à transmissão automática CVT com sete marchas simuladas e modos Eco e Sport e direção elétrica.

Toyota Yaris Sedan 2023

Toyota Yaris Sedan 2023
Toyota Yaris Sedan 2023

Toyota Yaris Sedan 2023
Toyota Yaris Sedan 2023
Fonte: Diário do Poder
COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

Nos siga no Facebook

DISTRITO FEDERAL

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Gostou da notícia? Quer mais?

Nos Siga no Facebook 

para mais Notícias

Gostou da notícia? Nos Siga para Mais.