BRASÍLIA

DISTRITO FEDERAL

Servidor: topo do funcionalismo ganha 20 vezes mais que o piso

Publicados

em

Entre as carreiras com os maiores vencimentos no nível superior, estão as de diplomatas, peritos criminais e delegados da PF

Ana Volpe / Agência SenadoANA VOLPE / AGÊNCIA SENADO

Apesar de altos rendimentos médios, determinadas carreiras têm remuneração baixa. Para se ter uma dimensão do distanciamento, segundo dados do Painel de Estatística de Pessoal (PEP), a diferença entre a maior e a menor remuneração no funcionalismo chega a 20 vezes. A mais baixa, no último mês, foi de R$ 1.467,49. A mais alta alcançou R$ 29.604, 70.

As faixas salariais se dividem entre os níveis superior, intermediário e auxiliar. As subcategorias também guardam discrepâncias nas remunerações. Nas categorias de nível superior, por exemplo, a diferença ultrapassa dez vezes. O menor rendimento é de R$ 2.236, 30, e o maior, de R$ 29.604,70.

No nível intermediário, a diferenciação é de cinco vezes. O maior salário é de R$ 10.830, 39 e o mais baixo, de R$ 2.073,29. Na carreira auxiliar, os rendimentos variam entre R$ 5.445,44 e R$ 1.467,49 — diferença de 3,7 vezes.

Diferença entre carreiras
Entre os maiores vencimentos no nível superior, estão os da carreira de diplomata, cujo salário varia de R$ 24.500,44 a R$ 27.369, 67, e os peritos criminais federais e delegados de Polícia Federal: nos dois cargos, a tabela inicial remuneratória é de R$ 22.672,48. Os menores são dos servidores do magistério, com salário inicial de R$ 2.236,31.

Leia Também:  Detran-DF adia a implementação da placa Mercosul

No nível intermediário, os técnicos de planejamento e orçamento e os de finanças e controle recebem R$ 7.283,31 quando ingressam no funcionalismo público. Aqueles com o menor rendimento da tabela são técnicos, com vencimento R$ 2.272, 94.

Por fim, o cargo de nível auxiliar com maior salário é de agente de combate a endemias, com vencimento inicial de R$ 4.770,66. O mais baixo é de apenas R$ 1.467,49 na carreira de auxiliar executivo de metrologia e qualidade do Inmetro.

Reforma administrativa
A proposta de reforma administrativa desenhada pela equipe econômica do presidente Jair Bolsonaro (PSL) pretende reduzir em até 80% o número de categorias do funcionalismo público federal. Inicialmente, o governo estuda diminuir as atuais 117 para algo entre 20 e 30.

O número final de categorias ainda não está definido. Nos bastidores, comenta-se que, além de vagas obsoletas, o governo pretende flexibilizar regras para que se possa movimentar servidores com atribuições semelhantes sem esbarrar em questionamentos judiciais.

A estabilidade para os futuros servidores também está em xeque. O projeto de reforma administrativa prevê a possibilidade de redução da jornada e dos salários do funcionalismo público. Os que decidirem reduzir a jornada diária de trabalho também terão os vencimentos reduzidos.

Leia Também:  A injusta distribuição de verbas entre administrações regionais

Chancela do Congresso
A maior parcela das mudanças valerá para aqueles que se tornarem servidores após a aprovação do projeto pelo Congresso. A proposta deve ser enviada pelo governo nesta quinta-feira (31/10/2019). Os que atuam no Executivo federal manterão a maior parte das prerrogativas, e serão afetados por mudanças pontuais.

Fonte: Metropoles
COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

DISTRITO FEDERAL

Superintendente da Região Sul do CDDF, Alzira Folha, recebe elogios e afagos na inauguração da Vicinal-371 em Santa Maria

Publicados

em

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, passou a manhã desta quinta-feira (25), em Santa Maria onde entregou diversas obras concluídas na cidade. A primeira inauguração aconteceu no novo papa-entulho, na AC 219, seguido do Ginásio Poliesportivo da AC01 e da Agência do Trabalhador, na QC 01. A administradora regional de Santa Maria, Marileide Romão e a deputada distrital Jaqueline Silva, representando a Câmara Legislativa do DF, participaram dos eventos. 🚜

Após as três inaugurações, Ibaneis Rocha se dirigiu ao Parque Ecológico de Santa Maria, que receberá equipamentos públicos como parque infantil, quadra poliesportiva e pista de cooper nos próximos meses. Na sequência, foi a vez da Escola Classe 01 do Porto Rico receber o chefe do executivo com a reforma e ampliação do local. Por lá, Ibaneis assinou a ordem de serviço para a construção da escola técnica de Santa Maria. 🎒

Por fim, o governador e a comitiva estiveram na inauguração da Vicinal-371 que após sete anos, os moradores do Condomínio Total Ville, em Santa Maria, e todos aqueles que trafegam pela via que liga a DF-290 à BR-040/050 podem comemorar a pavimentação do local.

Leia Também:  Contribuintes inadimplentes poderão indicar créditos do Nota Legal

“Essas obras são fundamentais para Santa Maria. Essas benfeitorias só puderam acontecer porque temos uma gestão eficiente”, analisou a administradora de Santa Maria, Marileide Romão.

“A gente continua em pandemia, mas continua trabalhando porque sabemos das necessidades da sociedade e, sempre, com um olhar também cuidadoso para a geração de emprego. As obras públicas geram muitos empregos e a gente sabe disso”, declarou o governador.

Um fato curioso acontecido no evento foi o momento que o Diretor do DER Fauzi em sua fala, fez questão de parabenizar a grande líder comunitária de Santa Maria, e Superintendente da Região Sul do Conselho de Desenvolvimento do DF/CDDF, Alzira Folha, enaltecendo o empenho dessa guerreira na luta para trazer melhorias para sua cidade, todas as autoridades observavam o carinho e repeito da população para com Alzira, a todo momento era abraçada por pessoas da comunidade.

“Alzira Folha, você é muito forte parabéns por seu empenho na luta por melhorias para sua comunidade, o CDDF esta muito bem servido de lideranças”, disse José Humberto, Secretário de Governo
.
#ASCOMsantamaria #AdministracaoEmAcao #SantaMaria #GDFpresente #GDFPresente #GDF #ÉTempodeAção

Leia Também:  Vítimas de falsa corretora pagaram R$ 400 mil em única transação e até moraram em imóvel

Com informações da ASCOM de Santa Maria

Fonte: Redação

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

DISTRITO FEDERAL

FALA BOLSONARO

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA