BRASÍLIA

GDF

Daniel Donizet: Castra Móvel de volta às ruas do DF.

Publicados

em

Ele voltou! 🙏 Como eu já havia adiantado em dezembro, 2021 já começa com essa excelente notícia. Com recursos que destinei, o @brasilia_ambiental colocou o Castra Móvel de volta às ruas do DF. Desta vez, em Planaltina, no Parque Ecológico Sucupira. A unidade móvel deve ficar na região nos próximos três meses com a expectativa de castrar 1800 animais.
Além de castrar os cães e gatos, a equipe do Castra Móvel também vai vermifugar e vacinar os pets cadastrados, tudo de forma gratuita.
⚠️ ATENÇÃO! Neste primeiro momento, SOMENTE moradores do núcleo Rural da Estação Ecológica Águas Emendadas podem fazer o cadastro. As equipes já estão no local, de casa em casa, fazendo as inscrições presencialmente. Esse processo deve durar até o dia 11 de janeiro. NÃO haverá cadastro diretamente na unidade do Castra Móvel, por enquanto.
➡️ MORADORES DE PLANALTINA EM GERAL poderão fazer a inscrição num segundo momento. O atendimento será feito por etapas. Na semana que vem, o IBRAM deve divulgar o cronograma com as datas para cadastramento do público em geral de Planaltina e os detalhes de como será feito.
➡️ MORADORES DE OUTRAS REGIÕES devem aguardar! Ainda não há previsão de quando o Castra Móvel atenderá outras cidades. Assim que tivermos novidades, postarei aqui nas minhas redes.
CASTRAÇÃO É A SOLUÇÃO! Castrar nossos animais significa salvar milhares de cães e gatos da fome, do abandono e dos maus-tratos.
#QuemAmaCuidaDosAnimais 🐶❤🐱 Então👍🏻 CURTA ESTE POST E ➡️ MARCA O AMIGO de Planaltina e região que está precisando castrar o pet.
COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  “Rollemberg não fez a eleição de administrador porque não quis, porque ele tem medo”, diz Ibaneis Rocha
Propaganda

GDF

Comissão da Vacina aprova plano de trabalho para acompanhar a vacinação no DF, que começa amanhã (19), às 10h 

Publicados

em

Comissão quer apoio da bancada federal para cobrar cronograma e doses da vacina
Foto: Reprodução TV Web CLDF

O presidente do colegiado, deputado Fábio Felix (PSOL), considerou que ontem (17), em São Paulo, foi dado um passo importante com o início do plano de imunização. “Temos que lutar para que o DF inicie a vacinação com os insumos necessários”, disse, ao citar que a secretaria de Saúde informou ter recebido cerca de cem mil doses.

O relator da Comissão, deputado Delmasso (Republicanos), garantiu que disponibilizará ainda hoje aos pares os planos de operacionalização nacional de vacinação contra a Covid-19 e do DF, bem como as documentações e relatórios da Anvisa relacionados à aprovação emergencial das vacinas Coronavac e Oxford/AstraZeneca. A documentação será incorporada ao relatório da Comissão. O parlamentar registrou sua preocupação com a quantidade insuficiente de doses, uma vez que é necessário imunizar 70% da população, cerca de cem milhões de pessoas, para o País sair da pandemia. Ele sugeriu uma atuação conjunta da Comissão com a bancada federal do DF para cobrar do ministério da Saúde o cronograma de distribuição e as datas do plano de imunização no DF. “Precisamos garantir que não haja descontinuidade do plano de operacionalização”, frisou.

Leia Também:  “Rollemberg não fez a eleição de administrador porque não quis, porque ele tem medo”, diz Ibaneis Rocha

Ao apoiar a sugestão de Delmasso, o vice-presidente da Comissão, deputado Jorge Vianna (Podemos), considerou que, embora seja justa a divisão isonômica e proporcional de doses proposta pelo ministério da Saúde, é necessário minimizar a demora no processo de vacinação. Segundo Vianna, a Comissão precisa saber a quantidade de doses que chegarão ao DF e os prazos porque tem a responsabilidade de comunicar essas informações à população. Do mesmo modo, a deputada Jaqueline Silva (PTB) endossou a união com a bancada federal e a preocupação com a quantidade insuficiente de doses. Por sua vez, o deputado João Cardoso (Avante) destacou o papel humanitário da comissão.

Audiência com secretário de Saúde

Nesta terça-feira (19), às 16h30, a Comissão Especial ouvirá o secretário de Saúde do DF, Osnei Okumoto, sobre o plano de imunização local. Os parlamentares querem questioná-lo a respeito do quantitativo de doses, prazos, grupos prioritários e continuidade, entre outros pontos do processo de vacinação.

Franci Moraes
Fotos: Reprodução TV Web CLDF
Núcleo de Jornalismo – Câmara Legislativa

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

DISTRITO FEDERAL

FALA BOLSONARO

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA