BRASÍLIA

GDF

Ibaneis Rocha participa do primeiro 7 de Setembro como governador

Publicados

em

Ao lado da primeira-dama, Mayara Noronha, chefe do Executivo do DF também levou seu filho caçula, Mateus, ao ato cívico-militar

IAN FERRAZ, DA AGÊNCIA BRASÍLIA
Ibaneis: “Somos todos protagonistas de uma história que continua, numa comovente sensação de participarmos deste sonho intenso chamado Brasil” | Foto: Renato Alves / Agência Brasília

O Brasil celebra neste sábado (7) os 197 anos da proclamação da Independência. Pela manhã, a Esplanada dos Ministérios foi palco do desfile comemorativo com a participação de mais de 4,5 mil pessoas, que se apresentaram para autoridades e público reunido nas arquibancadas montadas para o evento (veja galeria de imagens abaixo). O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, e a primeira-dama, Mayara Noronha, assistiram o evento ao lado do presidente da República, Jair Bolsonaro, e outras autoridades. O vice-governador Paco Britto também assistiu ao ato cívico-militar.

O governador do DF falou sobre a importância da celebração. “O 7 de Setembro simboliza nossa luta pela liberdade. Agora precisamos avançar para edificação de um Brasil ainda mais digno, justo, e que tenha na democracia os valores éticos e morais capazes de promover um pacto de responsabilidade social com todos os brasileiros e brasileiras. Democracia é prática, paciência, construção. Somos todos protagonistas de uma história que continua, numa comovente sensação de participarmos deste sonho intenso chamado Brasil”, sintetizou Ibaneis.

Veja também:
O que abre e o que fecha neste 7 de Setembro em Brasília

Fiel à tradição, o desfile do 7 de Setembro exibiu atrações variadas. Entre os destaques, a passagem do Fogo Simbólico – conduzido pelo atleta Altobeli Santos da Silva, 3º sargento da Marinha do Brasil –, a pirâmide humana sobre motocicleta, do Batalhão de Polícia do Exército de Brasília, e o desfile de alunos de escolas da rede pública do DF. O grupo da capital detém o recorde mundial por ter apresentado 47 militares empilhados e em deslocamento em uma única moto.

Leia Também:  A esperança tirou férias: Com o início do recesso, a decisão sobre a suspeição de Sergio Moro como juiz da Lava Jato e a libertação de Lula ficam para agosto
| Foto: Joel Rodrigues / Agência Brasília

O Esquadrão de Demonstração Aérea – a popular “Esquadrilha da Fumaça” – ficou responsável, mais uma vez, pelo já tradicional show acrobático. No encerramento do desfile, o grupo formado por pilotos e mecânicos da Força Aérea Brasileira (FAB) justificam o apelido com desenhos de fumaça no céu de Brasília.

“Democracia é prática, paciência, construção”Ibaneis Rocha, governador do DF

O desfile

O 7 de Setembro teve início com a chegada do presidente da República, Jair Bolsonaro, que antecipa a apresentação das honras militares e a execução do Hino Nacional e do Canto do Hino da Independência. Em seguida tiveram início os variados desfiles escolar e aéreo, além das tropas a pé, em mosaico que envolve forças como Marinha do Brasil, Exército e grupamentos de segurança pública do DF. Viaturas do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar também foram conduzidas no trecho da Esplanada dos Ministérios bloqueado para realização do ato.

Educação presente

O desfile escolar coordenado pela Secretaria de Educação contou com alunos de diversas instituições de ensino do Distrito Federal e de órgãos vinculados ao governo.

| Foto: Joel Rodrigues / Agência Brasília

Participaram do evento estudantes e membros do CED 619 de Samambaia; CEF Athos Bulcão; bandas do Guará e Recanto das Emas; Centro Educacional 01 da Estrutural; Corpo Coreográfico e Banda Musical Master de São Sebastião; Centro Educacional 03 de Sobradinho; bandas do Gama, de Santa Maria e de Planaltina; Centro Educacional 308 do Recanto das Emas; Corporação Musical CCI de Samambaia; Centro Educacional 07 de Ceilândia; Escola Parque Anísio Teixeira de Ceilândia; Banda Arte Jovem de Ceilândia e Guarda Mirim Social de Brasília.

Leia Também:  Maia e Doria dizem que PSDB e DEM estarão juntos em 2020 e 2022

Atuação conjunta

As forças de segurança do Distrito Federal atuaram de forma integrada nas atividades deste sábado (7). Intervenções no trânsito foram realizadas pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) e pelo Departamento de Trânsito (Detran/DF).

| Foto: Joel Rodrigues / Agência Brasília

O Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) atuou com pontos de atendimento no local, enquanto a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) reforçou o efetivo da 5ª Delegacia de Polícia. A unidade de segurança pública é a responsável pela área onde se desenvolveu o desfile.

O Centro Integrado de Operações de Brasília (Ciob), da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP/DF), foi o responsável por monitorar o evento com câmeras de vídeo.

| Foto: Joel Rodrigues / Agência Brasília

Hidratação

Além das forças de segurança, o Governo do Distrito Federal se fez presente no desfile de 7 de Setembro com a a Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb).

Uma estrutura especial foi montada em pontos estratégicos da Esplanada. O objetivo: distribuir ao público 19 mil litros de água para consumo, providência indispensável em tempos de seca prolongada e consequente baixa umidade do ar.

Fonte: Agência Brasilia

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

GDF

Procon multa empresa de transportes por aplicativo em R$ 26 mil

Publicados

em

Imagem: Uber

Decisão ocorreu após servidor público relatar ter sido impedido de fazer corrida pela Uber por estar com uma cadela. No caso, seu cão-guia

 

O Instituto de Defesa do Consumidor (Procon-DF), órgão ligado à Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), notificou a empresa de transportes Uber, após receber denúncia do servidor público Ricardo Skrebsky Rubenich, 27 anos. Ele afirmou ter sido impedido de fazer a corrida acompanhado de sua cadela. De acordo com o servidor, o motorista de aplicativo disse que não transportava animais.

O consumidor informou ser portador de necessidades especiais, motivo pelo qual precisava do cão-guia, mas o motorista se negou e disse que o animal era grande demais. O servidor continuou tentando conversar e explicou ser regido pela Lei nº 11.1126/2005, que permite a entrada de deficiente visual em qualquer ambiente, acompanhado de cão-guia.

A primeira denúncia foi feita à Uber, mas a empresa alegou ausência de relação de consumo. O servidor, então, decidiu procurar o Procon DF para saber sobre os seus direitos. Em contato com a Sejus, relatou: “Alguns motoristas acabam levando [animais], mas por gostarem de bichos; outros agem como se estivessem fazendo um favor pra gente, sendo que a assistência do cão-guia está assegurada por lei. O que eu quero e o que os demais deficientes visuais querem é apenas o cumprimento da lei”. Ricardo acrescentou que a Uber deveria conscientizar os motoristas sobre essas questões importantes para a sociedade.

Leia Também:  Feira do Paranoá recebe Wi-Fi gratuito para milhares de usuários

O diretor-geral do Procon, Marcelo Nascimento, afirma: “A pessoa com deficiência visual tem o direito de ingressar com o cão-guia em todo tipo de transporte, público ou privado, e tem o direito de permanecer com o cão nos estabelecimentos abertos ao público. No caso em questão, o motorista da empresa se recusou a transportar o passageiro, o que é uma falha grave na prestação do serviço e uma violação à lei. Proibir esse acesso da pessoa com deficiência, além de descumprir o Código do Consumidor, se caracteriza como uma afronta às garantias de inclusão social”.

A decisão do órgão de defesa do consumidor for proferida em 30 de março passado, fundamentada nos artigos 6º, IV; e 39, II e IX, da Lei nº 8.078/90, e condenou a empresa de transportes por aplicativos a pagar a multa no valor total de R$ 26.760. A Uber ainda será notificada da decisão e terá prazo para pagamento da multa ou apresentação de recurso.

Fonte: https://www.agenciabrasilia.df.gov.br/2021/04/13/procon-multa-empresa-de-transportes-em-r-26-mil/

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

DISTRITO FEDERAL

FALA BOLSONARO

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA