BRASÍLIA

economia

Sexta-feira (29) é a grande final do DF Musical: participe!

Publicados

em

A relação dos 16 finalistas do ‘2º Festival DF Musical: bem-estar do servidor’ já está disponível para consulta – e para começar a torcida pela grande final, que será no dia 29 de outubro, às 18h. Foram mais de 14,2 mil votos recebidos pelos participantes das categorias autoral e cover. Confira aqui os classificados: www.festivaldfmusical.com.br

Além da apresentação dos finalistas, também haverá show da dupla sertaneja George Henrique e Rodrigo e de DJs locais. O show será gratuito e aberto à participação popular no formato de drive-in

Os oito mais votados de cada uma dessas categorias vão realizar suas apresentações no show da grande final. A junção das notas da comissão julgadora e do público vai determinar os vencedores do 1º, 2º e 3º lugar. Na final, com o show no estacionamento do Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha, os 16 finalistas farão suas apresentações ao público e aos jurados.

Além da apresentação dos finalistas, também haverá show da dupla sertaneja George Henrique e Rodrigo e de DJs locais. O show será gratuito e aberto à participação popular no formato de drive-in, seguindo todos os protocolos de segurança contra a covid-19. Será necessária a apresentação do cartão de vacinação com as duas doses da vacina contra a covid-19, além da utilização de máscara.

Leia Também:  Sejus promove curso de ambientação para novos servidores

A realização do evento é uma homenagem ao Dia do Servidor Público, celebrado no dia 28 de outubro.

Esta é a segunda edição do festival, que tem o apoio das secretarias de Economia (Seec) e de Cultura e Economia Criativa (Secec), e é coordenado pelo Instituto Brasileiro de Empreendedorismo, Tecnologia e Inovação (Ibeti). O evento também será transmitido ao vivo pelo canal da Secretaria de Economia e pelo canal do Ibeti Tecnologia no YouTube. O festival é direcionado para a criatividade e expressão musical dos servidores e seus dependentes. Os inscritos puderam se candidatar nas categorias: música autoral (original e inédita) ou cover.

Finalistas

Entre os 16 finalistas estão servidores das secretarias de Economia, Educação, Saúde e Segurança Pública, da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Defensoria Pública, Serviço de Limpeza Urbana e Instituto de Previdência dos Servidores do DF. Eles receberam a maior quantidade de votos popular, durante o período de classificação, realizado entre os dias 10 e 20 de outubro, no site do festival.

Foram 30 concorrentes selecionados previamente nas seletivas regionais. As apresentações e as votações de cada um dos classificados também estão disponíveis no site do festival.

Leia Também:  Abono salarial PIS/Pasep: veja quando serão os próximos pagamentos

Retire seu ingresso

Os ingressos são gratuitos, mas precisam ser retirados antes do evento. Basta entrar no site www.festivaldfmusical.com.br, clicar em “Retire seu ingresso” e preencher um pequeno formulário.

*Com informações da Secretaria de Economia

Agência Brasília

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

economia

FipeZap: Preços dos imóveis têm alta de 0,53% em novembro; veja cidades com metro quadrado mais caro

Publicados

em

Por

Imóveis novos na capital paulista — Foto: Ardilhes Moreira/ G1

O preço de venda dos imóveis residenciais registrou um novo aumento de 0,53% em novembro, segundo o Índice FipeZap divulgado nesta quarta-feira (1). No mês passado, a alta foi de 0,43%.

A alta apurada pelo Índice FipeZap em novembro deve ficar abaixo do avanço projetado para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Segundo o boletim Focus, do Banco Central, a inflação deve ter subido 1,03% no mês passado.

No acumulado do ano, os preços dos imóveis residenciais avançaram 4,78%, também abaixo da inflação esperada para o período (9,35%).

Em novembro, a maioria das capitais monitoradas pelo Índice FipeZap tiveram alta no preço médio de venda dos imóveis. A exceção foi Salvador (BA), com queda de 0,11%. Os maiores aumentos foram observados em Maceió (1,63%), Brasília (1,46%) e Curitiba (1,45%).

No acumulado em 12 meses, o Índice FipeZap tem alta de 5,27%, enquanto a expectativa para a inflação é de 10,83%.

Leia Também:  Começa treinamento dos profissionais que vão operar o PET/CT , o aparelho adquerido pelo GDF ao preço de US$ 1 milhão em 2013

Metro quadrado

Entre as capitais, o levantamento mostrou que o preço do metro quadrado foi mais caro em São Paulo (R$ 9.673), Rio de Janeiro (R$ 9.631) e Brasília (R$ 8.743).

Os valores mais baixos, por outro lado, foram observados em Campo Grande (R$ 4.530), João Pessoa (R$ 4.849) e Goiânia (R$ 5.057).

G1 – GLOBO

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

Nos siga no Facebook

DISTRITO FEDERAL

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Gostou da notícia? Quer mais?

Nos Siga no Facebook 

para mais Notícias

Gostou da notícia? Nos Siga para Mais.