BRASÍLIA

MANCHETES

CDDF poderá fazer em Águas Lindas, o prefeito Miro Rajão e dois vereadores, Gabriela Patriota e Branco Patriota

Publicados

em

O Conselho de Desenvolvimento do DF – CDDF, esta em grande ascendência em sua atuação no DF e no Entorno. Nesta eleição de 2020 conta com dois candidatos a prefeitos, Marcilene Lima 23 em Padre Bernardo concorrendo pelo partido Cidadania, em Águas Lindas de Goiás além de tentar a cadeira de prefeito com o Tenente Rajão 51, conta também com as candidaturas para Vereadores de Gabriela Patriota 51.456 e Branco Patriota 51.000, todos concorrendo pelo partido Patriota

Em Águas lindas o Tenente Rajão, se eleito pretende colocar o município de Águas Lindas de Goiás na rota do desenvolvimento industrial e do turismo gastronômico.

Caso eleito, apresentara nos primeiros dias de sua gestão, o Projeto de Lei que irá desburocratizar os trâmites do processo de liberação e instalação de microcervejarias e brewpubs (bares que produzem a própria cerveja), além de incentivar a chegada de outras empresas que atuam na cadeia produtiva dessa indústria.

“Vamos criar o Polo Cervejeiro de Águas Lindas de Goiás e seremos em pouco anos o maior polo cervejeiro das regiões centro-norte. O meu dever como Prefeito será criar vocações para o Município e o segmento gastronômico e cervejeiro será prioritário, bem como, os setores de tecnologia, confecções, automotivo, medicamentos, processamento de resíduos, produção cultural, turismo temático, logística, construção civil e serviços inteligentes” prevê Rajão.

“Vamos criar o Polo Industrial do Século XXI – Nova Anápolis em dois grandes módulos. Terá uma planta planejada, dividida por setores econômicos e suas cadeias de produção. Abrigaremos grandes, médias e pequenas empresas. E o Polo Cervejeiro será um desses setores. Buscaremos a regulamentação do setor no município, para a atividade de fabricação artesanal de cervejas e chopes, acrescida dos respectivos bares e restaurantes, que produzem e comercializam suas próprias cervejas. A ideia é dar a chance do produtor artesanal se estabelecer e expandir seu negócio em Águas Lindas desde que, estimule a produção de pequena e ou média escala de acordo com as boas práticas socioambientais e sanitárias” explica Rajão.

“Será liberada a instalação de microcervejarias no Polo Industrial do Século XXI – Nova Anápolis, especificamente no Polo Cervejeiro, e os empreendimentos terão tratamento tributário diferenciado por um determinado período e poderão utilizar áreas públicas para a comercialização de seus produtos de forma coletiva. Com isso atrairemos dezenas de cervejarias artesanais, e outras empresas ciganas – que utilizam a estrutura de outras empresas para criar seus produtos. Além do que, naturalmente, surgirá um turismo gastronômico para Águas Lindas” conclui o candidato a Prefeito Rajão.

Leia Também:  LULA: O deus da seita tudo decide

Segue as principais Propostas do Candidato Tenente Rajão Patriota 51:

1 – Tarifa de transporte público a R$ 1,00 a estudantes e trabalhadores que estão a procura de emprego. Será um subsídio temporário com fins de combater o desemprego.
2 – Criação da Empresa Municipal de Transporte Coletivo.
3 – Criação da Rodoviária Interestadual – com fins de possuir integração no serviço de transporte coletivo.
4 – Abrigos de parada de ônibus com sinal de wifi.
5 – Buscar a inauguração do Hospital Hugo 9.
6 – Criação do Centro Materno Infantil.
7– Inauguração da UPA 24 horas.
8 – UBS Estendida até as 22 horas.
9 – Programa de Incentivo ao Mercado de Trabalho.
10 – Auxílio Complementar ao Bolsa Família.
11 – Instituição do Programa Casa Solidária.
12 – Municipalização da Água.
13 – Instituir o Polo de Cinema.
14 – Instituir a Área do Polo Industrial do Século XXI, incluindo os Polos Cervejeiro, e os setores de tecnologia, confecções, automotivo, medicamentos, processamento de resíduos, produção cultural, turismo temático, logística, construção civil e serviços inteligentes.
15 – Instituir o Centro da Cultura Nordestina e Goiana.
16 – Criar a Orla Seca às margens da BR 070.
17 – Parque aquático.
18 – Instituir um Ceasa.
19 – Instituir a Feira dos Importados.
20 – Restaurantes Comunitários a R$ 1,00.
21 – Eleição para os Diretores de Escola.
22 – Criação de Escolas de Ensino Profissionalizante, Escolas cívico-militar, Escolas Inclusivas (pessoas com necessidades especiais), Escolas-parque e Céu das Artes.
23 – Incorporação de Pato Selvagem e Girassol à Aguas Lindas.

Apresentamos candidata a Vereadora por Águas Lindas de Goiás

Gabriela Patriota 51 456

Gabriela é filha de Águas Lindas e portanto conhece de perto as demandas da cidade. Como estudante universitária, sabe as dificuldades que os jovens do município enfrentam para conseguir o seu espaço no mercado de trabalho. Conhece de perto as dificuldades das mulheres e de suas lutas.

Leia Também:  Marcilene Lima do CDDF é a candidata a prefeita de Padre Bernardo pelo partido Cidadania

Como Vereadora lutará:

1) Passe estudantil para os estudantes do município.
2) Cursos profissionalizantes e o encaminhamento para o primeiro Emprego.
3) Abertura de creches em tempo parcial e integral.
4) Oficinas de artesanato para pessoas da terceira idade.
5) Incentivo ao esporte amador.
6) Busca pela criação de uma vila olímpica.
7) Busca pela implantação de ciclovias.
8) Melhorias no transporte público.
9) Buscar a implantação de mais empresas no município.
10) E outras ações sociais que possam garantir mais oportunidades para o cidadão de Águas Lindas.

O outro candidato do CDDF que apoiamos ao cargo de Vereador por Águas Lindas de Goiás é:

Branco Patriota 51.000

Atento a Política de Águas Lindas de Goiás,  Jorge Luiz (Branco Patriota) sob a legenda 51 (Patriota) colocou seu nome a candidato a Vereador por sua cidade. Cinegrafista de profissão, morador do bairro Coimbra, apresentador do programa de rádio chamado “AMOR A TRÊS” na Rádio Águas Lindas, com muito humorismo obteve muita aceitação, através de brincadeiras chamava muito a atenção dos ouvintes para tratar de assuntos de grande relevância como por exemplo: agressões contra mulheres, feminicídio,  bem como temas de DST combate a dengue entre outros.

“Andando pelas ruas da cidade, notei e senti na pele o que o povo passa…Não sou político profissional que estuda todos os setores e fala tudo o que você quer ouvir,  como transporte, Saúde. Segurança etc…Serei a diferença !!! Por isso dia 15 vote Tenente Rajão 51 e BRANCO PATRIOTA 51000…Porque o povo tem a força e só precisa descobri-la e coloca-la em prática”, Jorge Luiz (Branco Patriota)

“Amigos e Conselheiros de Águas Lindas o dia 15 de novembro está próximo. Por isso peço aos amigos para compartilhar com amigos e parentes a votam em Tenente Rajão 51 para prefeito e em Gabriela Patriota 51.456 e Branco Patriota 51.000 para vereadores. Vamos multiplicar para elegermos estes jovens que representarão muito bem e com dignidade o CDDF e a todos os eleitores de Águas Lindas, tanto na Prefeitura quanto na Câmara Municipal”, Eugênio Piedade, presidente do CDDF.

Fonte: http://temporarioegnews.com.br

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

MANCHETES

A ética da responsabilidade como atributo do estadista

Publicados

em

 

Salin Siddartha

Cabe aos governantes do Distrito Federal ser a voz da razão para afirmar Brasília como espaço de liberdade responsável pelo seu desenvolvimento econômico e social. O grau de racionalidade das políticas sociais deve ser adaptável às vocações das Regiões Administrativas do DF como um todo, bem como precisa estar sintonizado com certos aspectos irracionais do comportamento dos agentes políticos a fim de compensá-los com ajustes de previsão, percepção e resolução, já que nem tudo é sempre racional e a forma como as escolhas são estruturadas se torna importante para a tomada de decisões políticas.

Uma coisa é certa: a defasagem entre aquilo que os quadros políticos do governo sabem e aquilo que pensam que sabem é sempre perigosamente elevada. Dessa forma, aquilo que não se sabe é mais relevante do que aquilo que se sabe. Todavia o governante tem mais responsabilidade pelos resultados dos seus atos do que os outros cidadãos, pois a ética da responsabilidade é um atributo do estadista.

É claro que muitos problemas são imperceptíveis, principalmente quando os governantes se mantêm a distância das comunidades, sem observar in loco o que está acontecendo. Sendo assim, é de bom alvitre o contato permanente com a comunidade e o funcionamento deveras participativo da população no poder local.

Leia Também:  LULA: O deus da seita tudo decide

A tendência lenta, embora gradual, com que um problema começa a manifestar-se pode ser assaz imperceptível para que se possa prever o desastre que ele possa causar – como no caso da formação de ilhas de calor em nossas áreas urbanas e diversos problemas ambientais que, devagar, mas constantemente, foram espraiando-se pelo Distrito Federal e continuam a ameaçar, cada vez mais, nossa sustentabilidade ambiental. São normalidades deslizantes ocultas por trás de flutuações confusas que não só foram mas também vão deteriorando, aos poucos, a cidade, tornando difícil perceber um futuro que pode ser dramático para a sociedade brasiliense.

A incapacidade de resolver um problema, mesmo após ter sido previsto e percebido dá-se, em muitas ocasiões, pela atitude egoísta, em benefício próprio das oligarquias locais, mesmo que por intermédio de um comportamento nocivo à sociedade. É um sintoma imoral motivado pela perspectiva gananciosa de auferir maiores ganhos financeiros e patrimoniais à custa de perdas irreparáveis à Capital da República.

Note-se o mal que a especulação imobiliária fez em Águas Claras com relação à sustentabilidade do DF em questões como caos urbano, atravancamento do sistema de transporte, congestionamentos, falta de mobilidade e acessibilidade, prejuízos ao meio ambiente. A falta de comedimento leva a própria população a invadir áreas públicas sob o pretexto de que “o vizinho o fez, então eu também irei fazê-lo!”; o pior é que objetivos eleitoreiros conduzem maus políticos a regularizarem tais invasões, para prejuízo e destruição do bem comum das gerações futuras.

Leia Também:  Marcilene Lima do CDDF é a candidata a prefeita de Padre Bernardo pelo partido Cidadania

É comum não se tentar resolver problemas já percebidos pelo simples fato de que a manutenção de tais problemas é boa para uma parte das elites poderosas desta cidade. É preciso que se abandonem valores arraigados na cultura e na história da população quando eles passam a ser incompatíveis com a sobrevivência coletiva. Os problemas que aqui apontamos devem servir de alerta também para outras cidades do País. São posturas assim que fazem com que certas sociedades sejam bem sucedidas e sobrevivam felizes pela história adentro, enquanto outras, por efetuarem escolhas erradas, fracassam e deixam de existir.

Fonte: http://temporarioegnews.com.br

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

DISTRITO FEDERAL

FALA BOLSONARO

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA