BRASÍLIA

Brasil

Rede Globo despenca: Escândalos e mais escândalos assombram a emissora.

Publicados

em

Advogada de vítimas de assédio de ex-diretor da Globo abre o jogo e conta detalhes dos abusos

Marcius Melhem

Escândalos e mais escândalos assombram a emissora.

Talvez uma das maiores indecências que já aconteceram dentro do canal seja o caso envolvendo o humorista e ex-diretor Marcius Melhem, acusado de assédio por várias mulheres da emissora.

No total, são seis vítimas de assédio sexual e seis testemunhas que recentemente decidiram que a advogada criminalista Mayra Cotta, irá assessora-las no caso.

Em entrevista à Folha de S. Paulo, a advogada contou detalhes dos relatos das vítimas.

Segundo Mayra Cotta, Marcius é um chefe que se vale de sua posição para tentar usar o poder que tinha de contratar ou demitir para constranger as vitimas a se envolver com ele.

“Houve um comportamento recorrente, de trancar mulheres em espaços e as tentar agarrar, contra a vontade delas. De insistir e ficar mandando mensagem inclusive de teor sexual para mulheres que ele decidia se iam ser escaladas ou não para trabalhar, se ia ter cena ou não para elas [nos programas de humor]. De prejudicar as carreiras de mulheres que o rejeitaram. De ficar obcecado, perseguindo mesmo. Foi um constrangimento sistemático e insistente, muito recorrente”, disse a advogada.

E prosseguiu:

“Ele isolava as atrizes, tinha o poder de não as deixar ir para outros lugares [na emissora], fazer outras coisas. E criava um ambiente de trabalho tóxico. As pessoas se sentiam presas, sem conseguir se livrar daquilo. Ele usava situações de trabalho para as tentar agarrar à força, inclusive usando violência. […] De agarrar, de as colocar contra a parede, tentar beijar à força. Isso é bastante violento.”

E mais:

“Foram casos de assédio sexual mesmo. De mulheres falando não, não quero, me solta, não vou beijar, não vou ficar com você. E ele tentando, agarrando. Não tem zona cinzenta, isso é violência. E aí tem algo muito sério: ele era chefe delas. Ele tinha uma posição de poder.”

A jornalista Mônica Bergamo ainda publicou uma cronologia das denúncias:

Leia Também:  Petrobras anuncia investimentos de US$ 75,7 bilhões de 2020 a 2024

. Em dezembro de 2019, Marcius Melhem é denunciado por assédio sexual pela atriz e humorista Dani Calabresa

. Em março de 2020, Melhem deixa a direção do núcleo de programas de humor da Globo e pede licença das funções de roteirista e ator alegando motivos pessoais

. Em 14 de agosto, Melhem encerra sua trajetória na Globo. Em nota, a emissora afirma que a decisão se deu ‘de comum acordo’ e que a relação com ele foi uma ‘parceria de 17 anos de sucessos’

. Após os elogios, uma carta é enviada ao diretor-geral da emissora, Carlos Henrique Schroder. Por meio dela, um grupo de cerca de 30 contratados da emissora —na sua maioria atrizes, mas também atores e profissionais de outras áreas— manifestam descontentamento com o encaminhamento do processo

. Em 20 de agosto, a diretora de desenvolvimento e acompanhamento artístico da TV Globo, Mônica Albuquerque, realiza a primeira reunião com o grupo

. No dia 21 de agosto, ocorre um novo encontro, desta vez com a diretora de compliance, Carolina Junqueira. O descontentamento, no entanto, permanece.

Leia Também:  Ações do Deputado Agaciel Maia na Câmara Legislativa no dia de hoje 06/02

Postagem: http://temporarioegnews.com.br

Fonte: Jornal da Cidade Online

COMENTE ABAIXO:

Propaganda

Brasil

Mulher mata filha de cinco anos; criança tem olhos arrancados

Publicados

em

Criança foi morta pela própria mãe em Alagoas Foto: Reprodução

Fato aconteceu em Alagoas e mulher, que teria transtornos mentais, foi presa em flagrante por conta do crime

Um crime bárbaro aconteceu na cidade de Maravilha, Sertão de Alagoas, no último domingo (24), quando uma mulher matou a própria filha de cinco anos e arrancou os olhos e a língua da criança com uma tesoura. De acordo com a polícia, a autora do crime tem transtornos mentais. A autora do crime foi presa em flagrante.

A polícia foi acionada após o pai de Josimare Gomes, de 30 anos, mãe da pequena Brenda Carollyne, ter encontrado ela e a neta trancadas no banheiro. Ao chamar pela filha e ver marcas de sangue no chão, o homem arrombou a porta e viu a neta já sem vida.

– Ao chamar ela, ela disse que estava tomando banho, mas demorou. Foi quando o senhor foi olhar pela porta de trás e viu as marcas de sangue. Ele arrombou a porta e encontrou a criança, já sem vida, no banheiro, e a mãe “rezando o terço” sobre o corpo – detalhou Eduardo Prado, agente da Polícia Civil (PC).

Leia Também:  CDDF reúne-se para celebrar o aniversário do seu 2º Vice Presidente Estevão Reis

Segundo os agentes, ainda não há confirmação se a mulher teria arrancado os órgãos da criança depois de matá-la. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para fazer a perícia. O 7° Batalhão da Polícia Militar (7° BPM) esteve no local e constatou o crime. O caso vai ser investigado pela Delegacia Regional da vizinha Ouro Branco.

MINISTRA DAMARES COMENTA O CASO
A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, comentou o caso ainda na última segunda-feira (25). Em sua publicação, a chefe da pasta social afirmou que o caso provavelmente denota o desenvolvimento de um ciclo que começa com a negligência, os maus tratos e segue até a bárbara morte.

– Neste caso, nos parece que ninguém interrompeu o caminho e ninguém viu ou ouviu os sinais e os pedidos de socorro emitidos pela criança. É fato que muitas vezes as crianças nos pedem socorro por dias, meses e até anos – disse.

Damares também contou que ficou “em lágrimas” ao saber do fato, mas disse que tentará trabalhar para que a política pública possa funcionar de forma que consiga evitar que casos como esse continuem acontecendo no Brasil.

Leia Também:  Ações do Deputado Agaciel Maia na Câmara Legislativa no dia de hoje 06/02

– Em lágrimas, depois de soluços, só peço a Deus que me dê forças para interromper o caminho e ouvir o clamor das crianças no Brasil. Só quero que a máquina e a política pública funcionem de fato e estou trabalhando para isto – completou.

Fonte: Pleno.News

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

DISTRITO FEDERAL

FALA BOLSONARO

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA