BRASÍLIA

Notícias

Saúde disponibiliza 11.936 vagas para dose de reforço em pessoas imunossuprimidas

Agendamento começa nesta quarta-feira, às 14h, e a vacinação a partir da próxima segunda-feira (27)

JURANA LOPES I EDIÇÃO: JOHNNY BRAGA I DA AGÊNCIA SAÚDE-DF

Começa, nesta quarta-feira (22), o agendamento da dose de reforço contra covid-19 para pessoas com alto grau de imunossupressão. O agendamento deve ser feito no site vacina.saude.df.gov.br aqueles que se enquadram nos critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

Antes de agendar, é necessário se cadastrar no mesmo site. Veja o passo a passo e os critérios para agendamento na arte abaixo:

O sistema irá reconhecer se quem preencheu faz tratamento no SUS. Neste caso, no cabeçalho do comprovante de agendamento constará a informação se é preciso, ou não, apresentar laudo médico. Serão aceitos laudos com validade de até seis meses.

A vacinação começará na próxima segunda-feira (27) e vai até sexta-feira (1º/10) em 19 pontos específicos que poderão ser escolhidos no ato do agendamento. Ao todo, serão disponibilizadas 11.936 vagas, e haverá aplicação das doses em todos os dias da próxima semana.

Leia Também:  Rio de Janeiro é o estado com maior taxa de letalidade de Covid-19 no País

Reforço

“A imunização desse grupo será por agendamento, pois, neste momento, o Ministério encaminhou doses apenas para a metade desse público. É necessário comprovar a situação de saúde. Estão aptos a tomar a dose de reforço todos aqueles acima de 18 anos que tenham tomado a segunda dose ou dose única há mais de 28 dias e que se enquadrem na descrição proposta pelo Ministério da Saúde”, destaca o diretor da Vigilância Epidemiológica, Fabiano dos Anjos.

Pessoas com alto grau de imunossupressão serão vacinadas com dose de reforço – Foto: Geovana Albuquerque/Agência Saúde-DF

A vacina a ser utilizada para a dose adicional deverá ser, preferencialmente, do laboratório Pfizer-BioNTech ou, de modo alternativo, do laboratório Janssen ou AstraZeneca.

Saúde

COMENTE ABAIXO:
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Notícias

Ação conjunta leva atendimento às mulheres no Itapoã

Publicados

em

Por

Serviço das secretarias de Saúde e da Mulher faz parte da campanha Outubro Rosa e contou a administração regional

LUIZ FERNANDO CÂNDIDO, DA REGIÃO LESTE | EDIÇÃO: JOHNNY BRAGA

A campanha Outubro Rosa destaca a importância do autocuidado feminino e incentiva as mulheres a buscarem o acompanhamento médico especializado. Durante todo o mês, várias unidades da rede pública de saúde estão promovendo ações voltadas à saúde da mulher. Na Unidade Básica de Saúde 3 do Itapoã diversos serviços foram levados à população da região por meio de uma ação conjunta das secretarias de Saúde e da mulher, além da Administração Regional da cidade.

Unidade móvel levou atendimentos na unidade – Foto: Luiz Fernando Cândido/Região Leste

Os serviços ocorreram durante a manhã com o atendimento de 81 mulheres e contaram com a unidade móvel da Secretaria da Mulher. Na ocasião, foram coletadas 47 amostras de citopatológicos de colo do útero, inseridas 31 mamografias na central de regulação e realizados 32 exames clínicos das mamas. “Ofertar serviços para as mulheres, no Itapoã, por meio da unidade móvel, é uma oportunidade sempre gratificante”, afirma a gerente de serviços da Atenção Primária 2, Fernanda Santana. “São números bem expressivos”.

Leia Também:  Anvisa cria comissão para avaliar registro e autorização de vacinas

Quem aproveitou a oportunidade e procurou a UBS foi Maria do Carmo dos Santos, de 56 anos. Ela conta que fez o exame preventivo no ano passado, também na unidade móvel, quando estava na região. “Mais perto de casa facilita fazer o exame. Trazendo uma coisa boa pra gente”, agradece.

Atendimento na UBS 3 do Itapoã beneficiou 81 mulheres – Foto: Luiz Fernando Cândido/Região Leste

As ações da Secretaria de Saúde estão a todo vapor. No mês de outubro, as UBSs 2 e 3 do Itapoã têm ampliado a agenda com mais vagas de consultas, tanto para a coleta de citopatológicos em mulheres, quanto para a inserção de DIU, com acesso dessas pacientes aos serviços.

Segundo a gerente Fernanda Santana, novas ações estão previstas para a região. “Estamos planejando outras ações no território, inclusive, um dia em novembro, visando às ações voltadas para os moradores da região administrativa”, pontua.

Leia Também:  Covid-19: DF começa a vacinar adultos com mais de 41 anos a partir de segunda-feira (12)
--> Saúde

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

Nos siga no Facebook

DISTRITO FEDERAL

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Gostou da notícia? Quer mais?

Nos Siga no Facebook 

para mais Notícias

Gostou da notícia? Nos Siga para Mais.