BRASÍLIA

NOTÍCIAS DO ENTORNO

Após desmoronamento, governador cria desvios na Chapada dos Veadeiros

Publicados

em

Devido a uma erosão na GO-118, principal via de acesso à Cavalcante e Teresina de Goiás, motoristas terão que realizar novos trajetos durante o Réveillon

Por: Gabriel de Sousa

Após o desmoronamento ocorrido neste sábado (24) em um trecho da GO – 118, rodovia que dá acesso às cidades turísticas de Cavalcante e Teresina de Goiás, localizadas na Chapada dos Veadeiros, ocorrido neste sábado (24), o governador Ronaldo Caiado (DEM-GO) fez vistorias no local do ocorrido, e na companhia de responsáveis pela estrada, estabeleceu novos desvios que deverão ser feitos pelos motoristas que trafegam vindos de Brasília.

O governador goiano, juntamente com Pedro Salles, presidente da Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra), informaram que disponibilizaram todas as equipes de plantão para combater os efeitos das chuvas nas estradas do estado. A revitalização do trecho acidentado da GO – 118, localizado entre Alto Paraíso e Teresina de Goiás, próximo à fazenda Quali Peixe, não possui previsão de conclusão.

Por este motivo, os administradores decidiram que os motoristas terão que fazer uma rota alternativa para chegar nas cidades de Cavalcante e Teresina de Goiás, onde o acesso principal foi impossibilitado devido à erosão da pista. Os automóveis terão que sair da cidade de Alto Paraíso, a 47 km do local do incidente, e ir até a cidade de Colinas do Sul, em uma viagem de uma hora.

Leia Também:  Homem é preso por estuprar duas sobrinhas em Formosa (GO)

Após a chegada em Colinas do Sul, os motoristas deverão acessar a GO – 132 e sair à direita em uma estrada de terra que dá acesso à Cavalcante, Teresina de Goiás e Monte Alegre de Goiás, em uma viagem de 100 km, aproximadamente duas horas e meia de viagem.

Antes do desmoronamento, os motoristas levariam 1 hora para chegar até Cavalcante, vindo de Alto Paraíso, agora, terão que percorrer três horas e meia para chegar até a cidade. De acordo com os administradores, a via está com boa sinalização orientada pelo Comando de Policiamento Rodoviário (CPR).

Durante a vistoria do governador Caiado e do presidente da Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra), ficou decidido que a estrada de terra receberia uma melhoria da trafegabilidade, com a inserção de cascalhos e de greide. O órgão, porém, informa que somente poderá entregar a melhoria daqui a três semanas, se as condições climáticas estiverem favoráveis. As fortes chuvas atingem o estado goiano desde a semana passada, o que segundo o Governo de Goiás, motivou o desmoronamento da pista da GO – 118 nesta última sexta-feira (24).

Durante a erosão, segundo o Corpo de Bombeiros de Goiás, um carro ficou totalmente destruído após cair no buraco. Todos os três ocupantes do veículo tiveram apenas ferimentos leves. As cidades de Cavalcante e Teresina de Goiás são importantes pontos turísticos da Chapada dos Veadeiros, visitada principalmente por brasilienses e por turistas que vêm de São Paulo e Goiânia.

Leia Também:  Anvisa autoriza testes clínicos de mais duas vacinas contra a Covid-19 no Brasil

Empresários do turismo não esperam recuperar prejuízos

Segundo Martha Helena, proprietária da pousada Manacá, localizada em Cavalcante, onde o acesso é feito pela GO – 118, o desvio não irá fazer com que os visitantes procurem visitar a cidade durante a virada do ano. “Para o turismo, vai ser muito difícil para as pessoas andarem. Eu acho que vai aumentar bem a quilometragem, no barro, para vir até aqui”, afirma.

A dona da pousada Manacá afirma que esperava obter um bom faturamento nesta virada de ano, o que pode ser impossibilitado devido ao desmoronamento da rodovia. “Depois de um ano e meio parado por conta da pandemia, a gente investiu no Ano Novo”, explica.

A sua pousada é pequena, e possui seis aposentos. A empresária diz que após a erosão do trecho da estrada principal até o seu estabelecimento, decidiu telefonar pessoalmente para os reservistas que estavam planejando ir passar o Réveillon no local. “Muitos nem sabiam da situação. Mas a minha obrigação é avisar as pessoas para elas programarem outras coisas”, conclui Martha.

Fonte: Jornal de Brasilia

COMENTE ABAIXO:

NOTÍCIAS DO ENTORNO

Homem armado faz ameaça em elevador, em Caldas Novas; veja vídeo

Publicados

em

Por

No vídeo é possível identificar um homem de camisa vermelha e um outro careca, além de uma mulher, um adolescente e a criança

Na última sexta-feira, 7, um homem que portava uma arma fez ameaças dentro de um elevador residencial, em Caldas Novas. Uma criança de 5 anos estava no mesmo ambiente. A cena foi gravada pelas câmeras de segurança do elevador.

A situação ocorreu durante uma discussão sobre a quantidade de pessoas que estavam dentro do elevador.

O caso foi registrado na Polícia Civil como ameaça e será investigado. O nome dos envolvidos não foi divulgado.

No vídeo é possível identificar um homem de camisa vermelha e um outro careca, além de uma mulher, um adolescente e a criança. A mulher e o homem de camisa vermelha aparentam discutir quanto ao número de pessoas permitidas no elevador devido as medidas de prevenção contra a Covid-19.

Próximo ao 2º andar, o homem careca avança sobre o outro, apontando uma arma no rosto do rapaz. O ameaçado levanta as mãos demonstrando não ter interesse em reagir.

Leia Também:  Porque preciso contratar um serviço de tradução acadêmica?

O homem, a mulher e o adolescente deixam o elevador logo em seguida.

Discussão

De acordo com o registro, a vítima já estava no elevador quando outras três pessoas entraram. O ameaçado afirmou que questionou o motivo dos três terem entrado, já que só deveria ter quatros ocupantes.

Ainda segundo o relato, a mulher disse que entrou porque a capacidade máxima era de oito pessoas. O ameaçado contou aos policiais que disse a ela “Você é mal educada, pois estamos diante de uma pandemia”.

Conforme o documento, logo após o homem careca e vestido de preto agarrou o ameaçado, sacou a arma e apontou em seu peito e disse “Respeita minha mulher, quem você pensa que é? Está pensando que você está falando com quem?’”.

Não consta no registro se algum suspeito foi identificado ou preso.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

Nos siga no Facebook

DISTRITO FEDERAL

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA

Gostou da notícia? Quer mais?

Nos Siga no Facebook 

para mais Notícias

Gostou da notícia? Nos Siga para Mais.