BRASÍLIA

NOTÍCIAS DO ENTORNO

Homem entra em secadora de grãos para salvar irmão e ambos morrem

Publicados

em

Segundo empresa onde eles trabalhavam, os dois eram funcionários experientes e usavam equipamento de proteção no momento do acidente

goias tanque de secagem de grãos em que irmãos morreram asfixiados
Reprodução/TV Anhanguera

Goiânia – Dois irmãos morreram, de forma trágica, nesse sábado (3/4), no município de Jataí, no sudoeste de Goiás. Um deles caiu em um tanque para secagem de grãos e o outro entrou na máquina para tentar salvá-lo, mas ambos morreram. Eles eram funcionários de um armazém da cidade.

De acordo com a corporação, o poço onde as vítimas caíram é um ambiente confinado e sem oxigênio. Para recuperar os corpos, um dos militares precisou usar cilindro de oxigênio, além de outros aparatos de proteção.

Em comunicado, o Armazéns Gerais Pazzinatto, onde os irmãos trabalhavam, lamentou o acidente e informou que vai prestar assistência à família das vítimas.

“Ambos trabalhavam conosco há cerca de seis anos, sempre com muita disposição, esforço e honestidade, deixando um grande vazio na nossa equipe. Eles possuíam larga experiência nas operações técnicas em graneleiros e faziam o uso de equipamentos de segurança do trabalho”, diz a nota.
Fonte: Netropoles
COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Cidade goiana bloqueia vacinação de quilombolas por suspeita de fraude
Propaganda

NOTÍCIAS DO ENTORNO

Criança de 3 anos sofre oito paradas e morre em Goiás por Covid-19

Publicados

em

Heloísa Alves da Mata era moradora de Anápolis. Deu entrada na UPA da cidade no dia 28 de março com sintomas de febre e dores abdominais

heloisa alves da mata, de apenas 3 anos, vítima de covid-19 em goiásReprodução

Goiânia – Heloísa Alves da Mata, de apenas três anos de idade, morreu em Goiânia nessa quinta-feira (8/4), depois de enfrentar complicações geradas pela Covid-19. Ela chegou a sofrer oito paradas cardiorrespiratórias.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde de Anápolis informou que Heloísa deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Pediátrica no dia 28 de março, com sintomas de febre e dores abdominais.

O quadro se agravou e ela foi encaminhada para o Centro de Internação Norma Pizzari Gonçalves, também da cidade e onde ela ficou em um dos leitos da chamada sala vermelha, que acolhe casos mais críticos.

Heloísa sofreu as primeiras paradas cardiorrespiratórias, no local, indicando a necessidade de transferência para uma UTI pediátrica. A solicitação foi inserida no sistema estadual de regulação no dia 29 de março e ela foi transferida no dia seguinte.

A criança foi levada para o Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), em Goiânia, onde permaneceu internada até essa quinta-feira.

Leia Também:  Cinco cidades no Entorno do DF fecham comércio a partir desta terça

governador Ronaldo Caiado lamentou a morte da criança nas redes sociais. “A pequena Heloísa Alves da Mata, de apenas 3 anos, sofreu 8 paradas cardiorrespiratórias e morreu vítima da Covid-19, na última quinta, em Goiânia. Uma prova que o vírus não escolhe suas vítimas!”, escreveu.

Caiado aproveitou ainda para reforçar a necessidade de cuidado, diante do avanço da pandemia. “Não é momento de afrouxar os cuidados só porque já estamos vacinando. Só vamos vencer esse mal se todos fizerem sua parte. Recebam meu abraço e o de Gracinha (primeira-dama do estado). Que Deus conforte o coração de todos pela perda irreparável.”, expressou.

Vítima mais jovem de Anápolis

Até o fim desta semana, a Secretaria Municipal de Saúde de Anápolis aguardava a chegada da certidão de óbito de Heloísa para inserir o caso nas estatísticas. Ela é a vítima mais jovem da Covid-19, na cidade, que já perdeu 949 pessoas nesse mais de um ano de pandemia.

O número de pessoas contaminadas pela doença, em Goiás, já ultrapassou o meio milhão (507.234). Desse grupo, 14.948 são crianças menores de 10 anos.

Leia Também:  PCDF prende candidato a vereador do Novo Gama que traficava drogas para financiar campanha
Fonte: Metropoles
COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

DISTRITO FEDERAL

FALA BOLSONARO

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA