BRASÍLIA

POLICIAL

Polícia Civil prende no Distrito Federal dois foragidos por homicídio

Publicados

em

O primeiro procurado cometeu um homicídio, duas tentativas de assassinato e dois roubos com restrição à liberdade da vítima

LEONARDO ARRUDA/METRÓPOLES

Equipes da 9ª Delegacia de Polícia (Lago Norte) cumpriram, nessa segunda-feira (18/1), seis mandados de prisão em desfavor de dois criminosos foragidos que respondem a crimes de homicídio e tinham as prisões decretadas pela Justiça.

Ainda na segunda-feira, os investigadores encontraram uma mulher acusada de ter cometido um homicídio em Goiás. A informação inicial era que ela estaria refugiada na invasão do Saan, próximo ao Parque Nacional de Brasília.

No local, os agentes conseguiram capturar a criminosa, que tem mandado de prisão condenatória de 12 anos de reclusão decretada pela Justiça de Goiás.

Fonte: Metropoles
COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Suspeito é detido por roubo em parada de ônibus em Samambaia
Propaganda

POLICIAL

Polícia Civil prende homem que mandou matar rival em bar do DF

Publicados

em

Por erro na pontaria, um dos disparos ainda atingiu, de raspão, o abdômen de outra pessoa que estava no estabelecimento

PCDF/Divulgação

Policiais da 18ª Delegacia de Polícia (Brazlândia) prenderam, nesta sexta-feira (5/3), um homem acusado de matar um rapaz de 29 anos. O crime ocorreu em 21 de janeiro deste ano.

Investigações conduzidas pela 18ª DP apontaram que o mandante do crime é um homem de 41 anos, também morador do Assentamento Vitória. Ele tem passagens por homicídio, roubo e porte de arma.

A motivação do crime foi uma rixa existente entre autor e vítima, além de questões envolvendo o controle e domínio do tráfico de drogas na região. Quanto aos executores dos disparos, indícios mostram que foram dois adolescentes. Durante as buscas feitas na manhã desta sexta-feira (5/3), os policiais localizaram facas e projéteis com o suspeito.

Leia Também:  Suspeito com várias passagens é preso com arma branca na Rodoviária
homicídiohomicídio
Facas e munições apreendidas

O delegado-chefe adjunto da 18ª DP, Roney Teixeira Marcelo, explica que o mandante do homicídio é temido onde mora e, constantemente, ameaça moradores, invade lotes e coage testemunhas. Além disso, ele é o principal suspeito de outro homicídio, ocorrido em 25 de fevereiro, na região da Vendinha (GO).

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

DISTRITO FEDERAL

FALA BOLSONARO

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA