BRASÍLIA

SAÚDE

Brasil já contratou doses suficientes para vacinar 58% da população em 2022

Publicados

em

Doses equivalem ao que foi contratado além do necessário para imunizar toda a população este anoDistrito Federal recebe 41,5 mil doses da vacina AstraZeneca

Apesar da torcida fúnebre pelo coronavírus, o Brasil já garantiu doses suficientes de vacinas contra a Covid-19 para toda a população de quase 213 milhões.

Já foram contratadas 626 milhões de doses de oito farmacêuticas diferentes. Equivale a 158% do necessário.

Segundo levantamento da Comissão Temporária da Covid-19 do Senado, mantidos os prazos de entrega dos laboratórios produtores dos imunizantes, toda a população poderá estar imunizada até o fim do ano. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

A maior quantidade de imunizantes virá pela Fiocruz: 222,4 milhões de doses da vacina AstraZeneca/Oxford, todas a serem entregues este ano.

O Butantan fornecerá 130 milhões de doses da Coronavac. É também o que mais entregou até agora: 32 milhões de doses entre janeiro e março.

A Covax Facility, iniciativa da venerada OMS, será apenas o quinto maior fornecedor de vacinas para o Brasil: 41,4 milhões de doses.

Fonte: Diário do Poder

Leia Também:  Anvisa certifica farmacêutica chinesa que desenvolveu CoronaVac
COMENTE ABAIXO:
Propaganda

SAÚDE

Vacinados contra a covid-19 no Brasil chegam a 23,8 milhões, 11,26% da população

Publicados

em

Nas últimas 24 horas, 561.543 pessoas receberam a vacina, de acordo com dados reunidos pelo consórcio de veículos de imprensa junto a secretarias de 23 Estados e Distrito Federal

Foto: Agência Brasil

Entre os mais de 23 milhões de vacinados, 7.391.544 receberam a segunda dose, o que representa 3,49% da população com a vacinação completa contra o novo coronavírus. Nas últimas 24 horas, 339.142 pessoas receberam essa dose de reforço. Somando as vacinas de primeira e segunda dose aplicadas, o Brasil aplicou 900.685 imunizantes nesta segunda.

Em termos proporcionais, o Rio Grande do Sul é o Estado que mais vacinou sua população até aqui: 15,06% dos habitantes receberam ao menos a primeira dose. A porcentagem mais baixa é encontrada no Amapá, onde 6,78% receberam a vacina. Em números absolutos, o maior número de vacinados com a primeira dose está em São Paulo (5,58 milhões), seguido por Minas Gerais (2,31 milhões) e Bahia (1,94 milhão).

Leia Também:  Anvisa certifica farmacêutica chinesa que desenvolveu CoronaVac

Fonte: Jornal de Brasilia

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

DISTRITO FEDERAL

FALA BOLSONARO

ECONOMIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA